segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Deputado Zé Reinaldo faz balanço de sua participação no BRICS

Durante o encerramento da 9ª cúpula do Brics — bloco de países emergentes que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul — o candidato ao Senado e deputado federal José Reinaldo Tavares (PSB), que integra a comitiva do presidente Michel Temer à China, definiu como "espetacular" a experiência.

"Posso resumir como algo realmente espetacular. O encontro entre esses países é uma alavanca de desenvolvimento fortíssima e essa foi a mais importante visita de um presidente brasileiro à China. Estamos muito felizes", disse ele após conhecer o presidente da Rússia, Vladimir Putin e o primeiro ministro da Índia, Narenda Modi.

Na última sexta-feira, o presidente Michel Temer e o presidente chinês, Xi Jinping, assinaram 14 atos internacionais. Na ocasião, Temer acertou a construção de um novo porto no Maranhão cujo valor de financiamento será de 400 milhões de dólares vindos do banco IBCI.

Já a comitiva maranhense que visita à China, formada pelo vice-governador Carlos Brandão; pelo secretário de programas especiais, Pierre Januário; pelo secretário da Indústria, Comércio e Energia, Simplício Araújo; se reuniu com as duas das maiores e mais importantes empresas chinesas, a Sinopec e a HQC.

Deputado José Reinaldo se reúne com presidente de gigante chinesa em Pequim



Ambas são as únicas em todo o mundo capazes de realizar sozinhas a engenharia, a construção, a fabricação dos equipamentos e a operação de uma refinaria-petroquímica. A Sinopec, por exemplo, foi a empresa internacional que mais investiu no Brasil em todos os tempos, tendo aportado mais de 12 bilhões de dólares em apenas dois investimentos no setor de upstream (parte da cadeia produtiva que antecede o refino).

"O presidente da Sinopec, o senhor Xiang Wenwu, me disse que esse é o melhor momento para falarmos sobre a refinaria. Ao todo, o projeto gira em torno de 28 bilhões de dólares e envolve um polo petroquímico. Isso irá levar oportunidades comerciais e muito emprego para o Maranhão", contou Tavares que também participou das reuniões.

Parceiro comercial no projeto, o governo do Irã será informado sobre o que foi discutido no Brics já que, autorizado pelo presidente Temer, o ministro das Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, está chegando ao país. No fim do ano passado, José Reinaldo integrou a comitiva brasileira que visitou o Irã e a India com o objetivo de firmar parcerias institucionais e privadas com potencial de investimentos.

Retorno

A comitiva presidencial formada por ministros, parlamentares e governadores, chegará ao Brasil nessa quarta-feira pela manhã

Nenhum comentário:

Grupos começam a ser formados para as eleições de 2020 em Rosário

Grupo de Coalizão formado por Willame Anceles Clavet Filho e Kiko e vereadores que teve a participação da Dra. Cláudia . Em Rosário a ...