sexta-feira, 30 de maio de 2014

Rosário-MA: Moradores da Rua do Fio, denunciam que bairro será “engolido” por buracos.

Os moradores da rua do Fio denunciam falta de comprometimento da prefeita Irlahi Linhares, com os moradores da Rua Carlindo Câmara Lima mais conhecida como Rua do Fio, os moradores da rua do Fio reclamam que a 20 anos nada foi feito para melhorar a situação da rua entra prefeito e sai prefeito(A) e a rua do fio continua com o mesmo o problema de falta de infraestrutura.


Além da insatisfação por conta do grande número de buracos na comunidade, os moradores do bairro dizem estar revoltados com o poder público por terem sido esquecidos naquela situação. “Nosso voto  não é diferente dos outros parece que não vale mais. Eu voto,  pago meus impostos e minhas contas de água, luz e tudo mais que é cobrado. E por que não resolvem o nosso problema? É buraco, é falta de  iluminação publica  no bairro, quando chove alaga tudo, os veículos não podem mais nem entrar na rua. Isso é uma injustiça” desabafou a dona de casa que não quis seu nome revelado com medo.

Os moradores da Rua do Fio, denunciam que bairro será “engolido” por buracos ao blog do Anônimo de Rosário

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Flávio Dino lidera corrida eleitoral com 54% contra 18,92% de Lobão Filho

O instituto Amostragem divulgou na tarde de ontem os números da corrida eleitoral para o Governo do Estado. Com 54% das intenções de voto, Flávio Dino (PCdoB) lidera a corrida pelo Palácio dos Leões contra 18,92% de Lobão Filho (PMDB), segundo colocado.

No cenário mais provável para o confronto eleitoral, em terceiro aparece Antônio Pedrosa (PSOL) com 1,46% seguido de Saulo Arcângeli (PSTU), 1,23%. Do total de 1300 eleitores maranhenses ouvidos, 13,46% disseram que ainda não sabem em quem votarão e outros 10,92% afirmam que votariam brancos e nulos.
Em um embate direto entre os dois pré-candidatos favoritos na disputa eleitoral, Flávio Dino também venceria com 57,46% dos votos. Já Lobão Filho teria 20,62% dos votos. Neste cenário, 11,08% ainda não sabem em quem votar e 10,85% votariam branco ou nulo.
O instituto Amostragem realizou pesquisa entre os dias 16 e 19 de maio e ouviu 1300 eleitores de 40 municípios em todas as regiões do estado. A pesquisa está registrada sob o protocolo MA-00012/2014 no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão e possui margem de erro de 2,66 pontos para mais ou para menos.
Rejeição – Quando os eleitores são perguntados em quem não votariam de jeito nenhum, 38,77% dos eleitores maranhenses responderam Lobão Filho. No quesito rejeição, em segundo lugar fica Antonio Pedrosa, com 27,15%, seguido de Saulo Arcângeli (23,23%) e Flávio Dino (15,85%). Branco ou nulo somam 4,06% e 11,08% disseram não saber ou preferiram não responder.
Esta é a primeira pesquisa realizada pelo Instituto Amostragem para avaliar o embate tendo Lobão como pré-candidato apoiado pelo grupo Sarney, após a renúncia da candidatura de Luís Fernando Silva (PMDB).  
 Jornal Pequeno

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Agora Lascou Geral: ‘Farra’ de licitações de uma mesma empresa que já faturou mais de 7 milhões em Rosário

Segundo a denúncia ao blog, a empresa N.M Bastos (Construtora Bastos) com sede na rua 28 de janeiro, na cidade de São Domingos do Maranhão, foi beneficiada em pelo menos 16 licitações realizadas pela prefeitura de Rosário, acumulando um valor exorbitante de sete milhões de reais para execução de obras no município de Rosário.
Já há alguns dias os vereadores de Rosário, vem investigando a empresa. Eles já foram até à cidade de São Domingos do Maranhão para colher informações sobre a citada empresa.
Na errata dos anos de 2013 e 2014, vimos com clareza que a empresa foi, de fato, contemplada para diversas obras. Vimos também os valores pagos pela prefeitura, bem como as resenhas dos contratos publicados no diário oficial do estado – DO.
Com mais essa, os parlamentares estão buscando apurar a fundo sobre um possível favorecimento da empresa nas licitações da prefeitura de Rosário, a fim de que seja elucidado o caso. Ontem, por exemplo, alguns vereadores, até mesmo do próprio grupo da prefeita Irlahi Linhares (PMDB), comentaram sobre a instauração de uma comissão parlamentar de inquéritos – CPI para que seja investigado a fundo o porquê de uma mesma empresa ser contemplada em diversas licitações no município de Rosário em apenas 1 ano de 5 meses do governo Irlahi.
Segundo denuncias a  1 ano e 5 meses a fconstrutora Bastos ganhou 17 licitações, para obras que vão de colocação de asfalto; para construção de unidade básica de saúde – UBS; reforma do hospital SESP; pavimentação asfáltica;  obras de drenagem; construção de uma academia de saúde;  manutenção de iluminação pública; recuperação de prédios públicos; reformas de escolas; ampliação de unidade escolar e recuperação de pontes.
O mais incrível, segundo os vereadores, é que a Construtora Bastos trabalha até com manutenção de iluminação pública e atualização de arquivo municipal.
Segundo informações a câmara deverá investigar através de CPI a forma de como são realizadas as licitações em Rosário. não é a primeira vez e nem a última vez que a empresa ganha licitação de forma suspeita na cidade. Segundo, outras mais também tem contrato sob suspeição, fator este, que os vereadores de Rosário estão investigando segundo informações.
Além desse “escândalo”, outro também surgiu. Mas isso é assunto para outra matéria, aguardem...


Por Bacabeira em Foco

Rosário está presente na 20ª edição do Dia do Desafio da programação do Sesc

Itapecuru-Mirim, Paço do Lumiar, Rosário e Aldeias Altas são as representantes estaduais.

Os municípios de Rosário, Paço do Lumiar, Itapecuru-Mirim e Aldeias Altas recebem hoje uma animada programação físico-esportiva do Dia do Desafio. Esta será a 20ª edição. O Maranhão entra mais uma vez na disputa amigável, que em 2013 movimentou mais de 48 mil cidades de 22 países do continente americano, competindo desta vez com Costa Rica, São Paulo e Cuba. Com diversas atividades nas modalidades recreativas, culturais, físico-esportivas e aeróbicas, pessoas de todas as idades podem aderir à iniciativa, que visa combater o crescente sedentarismo mundial por meio do incentivo às práticas saudáveis.
Uma recente pesquisa realizada para o projeto Move Brasil, que é uma campanha aberta para aumentar o número de brasileiros praticantes de atividades físicas até 2016 com foco na saúde e qualidade de vida, apontou uma realidade preocupante: mais de 60% da população brasileira não pratica nenhuma atividade física.
Visando sensibilizar os cidadãos para a adoção de hábitos saudáveis, o Sesc, coordenador do Dia do Desafio no Brasil, ao lado das prefeituras dos municípios participantes, desenvolveu uma movimentada grade de atividades a serem realizadas em escolas, praças, empresas, clubes, entre outros espaços de Paço do Lumiar (Pindoba e Zumbi dos Palmares), Rosário, Itapecuru-Mirim e Aldeias Altas.
Maranhão - Na 20ª edição, o Maranhão contará com a participação das cidades de Paço do Lumiar, Aldeias Altas, Rosário e Itapecuru-Mirim. Paço de Lumiar concorre com a cidade de Americana, São Paulo; já para Aldeias Altas o desafio será com Buenos Aires de Puntarenas, Costa Rica; Rosário compete com Santa Gertrudes, São Paulo, e Itapecuru-Mirim se movimenta concorrendo com a cidade de Manicaragua, Cuba.
Programação - A programação mais intensa fica a cargo da estreante Rosário. O diferencial da agenda do município é a realização de atividades singulares da cultura local como a Oficina de Dança Mini Lelê, ensaios de grupos folclóricos e o Mini Porco na Rede, tradicional procissão em que um porco é carregado na rede enquanto os participantes dançam e cantam durante o percurso, além de louvores realizados às 16h e oficina de produção de equipamentos de ginástica com material reciclado.
No segmento atividades físico-esportivas, alongamento, caminhadas com alunos da rede municipal, ginástica laboral e circuito de obstáculos nos ginásios e porta das escolas, secretarias e outros órgãos governamentais, postos de saúde e agências bancárias; campeonato de canoagem nos Povoados Itamirim, Rosário e São Simão; aula de capoeira; campeonato de futsal e futebol de campo; caminhada e cooper nos ginásios e academias de ginástica e dança das 6h às 21h; Passeio Ciclístico e encerramento com show da Banda Swingart.

Começa amanhã entrega de kits da Corrida Super Ar

A Vale promoverá a quarta edição da Corrida Super Ar no domingo, 1º de junho. E para os corredores inscritos na prova, a empresa preparou um kit exclusivo que começará a ser entregue amanhã. Os inscritos terão três dias para retirar o kit no Parque Botânico Vale, localizado na Avenida dos Portugueses, s/n, Anjo da Guarda. Os kits serão entregues de hoje a sábado, das 8h às 17h, mediante apresentação do comprovante de inscrição e documento oficial com foto.
O Kit é composto por camisa Dry, boné, sacola, número de peito para identificar os corredores e chip eletrônico, que será utilizado para registrar o tempo de realização da prova de cada corredor. Os corredores que passarem pelos pontos de controle eletrônico sem o chip não terão seus dados computados pela organização do evento.
Além de receber o kit, os participantes poderão doar seus tênis usados no ponto de coleta, que será disponibilizado no Parque Botânico e também no dia da corrida, na Avenida Litorânea. Os tênis serão entregues pelos Voluntários Vale a instituições beneficentes da cidade.
Para participar da corrida, cada atleta pagou o valor de R$ 20,00 que, considerando a dedução da taxa bancária, será revertido em doações para instituições da região Itaqui-Bacanga. Mais informações sobre a entrega do Kit no site www.corridasuperar.com.
A Corrida Super Ar é promovida pela Vale desde 2011 na Avenida Litorânea. Realizada pelo quarto ano consecutivo, a Super Ar já reuniu, em suas três edições, um público de quase 5 mil corredores, se destacando pela organização, pontualidade e pelo número de vagas que oferece. Este ano, a organização do evento recebeu três mil inscrições, número maior se comparado com as demais edições. Além de pessoas que residem no Maranhão, atletas de outros 11 estados brasileiros também se inscreveram para participar da prova. A concentração dos atletas será às 6h e largada às 6h45 (categoria Atletas com Deficiência) e 7h (demais categorias), na Praça dos Pescadores.
Para realização da prova, apenas um trecho da Avenida Litorânea, que se inicia na Praça dos Pescadores e vai até a área do parquinho, será totalmente interditado. A partir deste ponto, até o local onde se encontra o bar Pioneiro, no final da avenida, a interdição será parcial, sendo permitido o tráfego de veículos em umas das vias, no sentido Olho d'Água. A interdição acontecerá no horário das 5h às 11h com o apoio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte de São Luís (SMTT). A medida é adotada para garantir a segurança de todos.

segunda-feira, 26 de maio de 2014

Aonde está a Saúde de Rosário? Rosariense precisa de ajuda para fazer um exame que custa R$ 4 mil

Um homem de 52 anos, conhecido como Raimundinho, morador do bairro Ivar Saldanha, em Rosário, está precisando da ajuda de solidários para realizar um exame chamado de PET CT, que custa em média R$ 4.000,00 (quatro mil reais).
O PET CT é um exame determinação que mostra a real extensão de um tumor (câncer). Esse tipo de exame é possível realizar em São Luis, na Clínica Nuclear, mas está longe das condições do necessitado.
Raimundinho é pedreiro e não tem condições financeiras para bancar o exame. Ele está com suspeita de câncer e necessita realizar esse exame para fazer uma cirurgia urgente para retirada do tumor.
Segundo informações, ele teria procurado a secretaria de saúde de Rosário, mas nada conseguiu.
Para ajudar Raimundinho você pode contribuir com qualquer quantia no Banco do BrasilAgência: 2555-0Conta: 34780-9 em nome de, Brenda Raissa da S. Souza, uma de suas filhas.
Raimundinho está lutando contra o tempo. Vamos ajudar!

Por Bacebeira em Foco

Castelo cede à pressão popular e anuncia pré-candidatura ao Senado

O ex-governador João Castelo anunciou nesta quinta-feira (22) que deve mesmo tentar concorrer a uma vaga no Senado Federal nas eleições de 2014 pelo PSDB. Em encontro realizado na cidade de Imperatriz pelo prefeito Sebastião madeira, que também é do PSDB e entusiasta da candidatura do ex-governador, Castelo deu uma entrevista em que explicou os motivos da pré-candidatura: “Até agora eu não tinha falado nada sobre o assunto porque realmente não tinha planejado isso. Mas, as recentes pesquisas e os pedidos dos amigos mostraram que essa pré-candidatura é um anseio de uma boa parcela da população deste estado”.
João Castelo foi recebido no aeroporto Renato Moreira pelo prefeito Sebastião Madeira que ressaltou o interesse do PSDB em disputar o senado. “Acredito que o cenário deve ser visto da seguinte forma: o povo quer o João Castelo na disputa. Dessa forma, é sim de interesse do PSDB entrar na disputa”, afirmou.
A deputada estadual Gardênia Castelo (PSDB), falou da necessidade de um candidato competitivo ao Senado. “As eleições majoritárias de outubro serão muito difíceis, não podemos nos dar ao luxo de desperdiçar nenhum tipo de situação que some. O João Castelo é conhecido em todo o estado, tem voto em todo o estado. Sua candidatura tem muito a adicionar na tanto na disputa pelo Governo do Maranhão quanto pela Presidência da República”, frisou.
Durante o almoço, Castelo recebeu a visita do pré-candidato ao governo do estado, Flávio Dino. Os dois não esconderam o entusiasmo com o encontro. Conversaram rapidamente e posaram para fotos.
Após o encontro com Flávio Dino, Castelo falou pela primeira vez como pré-candidato ao Senado em entrevista a TV Nativa, de Imperatriz,. “Minha carreira política sempre foi pautada pela vontade popular. Não seria agora que eu negaria minha história e não atenderia o chamado que o povo me faz. A partir de hoje eu sou pré-candidato ao Senado para disputar a chance de representar a população do Maranhão em Brasília”, concluiu

Vereador Cássio Reis denuncia mais uma vez o descaso da administração dos Murad

Vereadores de governo dizem que a saúde e a educação funcionam no município de Coroatá, em resposta a esta afirmação o vereador oposicionista Cássio Reis (PSDB) quis saber “sobre qual cidade vocês estão falando?”.
“Hoje trago o retrato do desrespeito da prefeita Teresa Murad (PMDB), porque em 1 ano e cinco meses não construíram nenhuma escola e ainda falam que nós acabamos com Coroatá em oito anos, mas o que estamos vendo até então são gastos exorbitantes de dinheiro público apenas para pintar as obras do governo anterior”, disse o parlamentar.
O vereador relatou ainda que a população residente no povoado Macaúba sofre com o posto de saúde abandonado, que serve atualmente como local de prostituição, tiraram de lá o gabinete dentário e o povo nunca mais soube o que é receber um dentista naquele povoado e colocaram o posto para funcionar numa pequena sala alugada ao lado da casa da diretora do posto (aliada da prefeita), já na educação os alunos do ensino médio sofrem em uma pequena sala de aula, sem merenda, sem ventiladores, sem banheiro, nem mesmo um copo para tomar água, funcionando em uma casa alugada de um morador e com apenas três professores acumulando três disciplina cada um e raras vezes aparece os demais.
Na educação o parlamentar ainda listou como sendo os principais descasos a péssima merenda, professores na rua fazendo greves, salas de aulas super lotadas, falta de material didático e pedagógico para alunos e professores, estudantes andando a pé para chegar a escola por falta de transporte escolar e os poucos que têm andam lotados.
“Assim que estão sendo tratados nossos jovens estudantes de nossa cidade”, declarou.
“Outro exemplo é a Companhia de Abastecimento do Maranhão – CAEMA que está mandando contas para residências também no povoado Macaúba, onde nem mesmo encanação foi colocada por ela, se hoje existe água nessas casas foi porque os próprios moradores custearam as instalações, este órgão não investiu nenhum benefício naquela localidade, nem mesmo o medidor (hidrômetro), mas esse é um golpe para dizer que é o governo que está pagando”, denunciou.
“É esse governo imoral que está maltratando o nosso povo, mas nós vamos começar a mudança ainda por este ano, acabando com os desmandos da oligarquia”, discursou o oposicionista.
E finalizou adiantando que na próxima sessão fará uso dos trinta primeiros minuto do Grande Expediente para denunciar outros descasos do que ele chama de “desgoverno”.
Confira abaixo as fotos do prédio abandonado onde antes funcionava o posto de saúde do povoado Macaúba denunciado pelo vereador.


Dupla é presa com mais de 2 mil em Rosário

Duas pessoas foram autuadas em flagrante nessa sexta-feira (23) pelo Serviço de Inteligência, no povoado São Simão, no município de Rosário, com eles foi apreendido dois revólveres com seis munições cada, sendo cinco intactas e uma deflagrada em cada arma, e ainda uma quantia de R$ 2.816,00.


Eles foram identificados por Antônio Carlos Meneses Santos, conhecido por “Antonio Agripino”, e o seu comparsa Dailton Carvalho da Silva, o “Noquinha”. Segundo informações da polícia, na ação foram presos também José da Conceição e Abelandia Matos, que estava na residência do “Antonio Agripino”, no momento da ação.
Os dois acusados, ainda tentaram fugir pelos fundos da casa. Na fuga, foram atingidos com tiros nos pés, levados para o hospital da região e apresentados na delegacia da cidade. 
O “Noquinha” é um dos assaltantes que atirou no policial militar Acrisio da Paixão Caldas, 52 anos dentro da farmácia Extra Farma, que fica localizada no bairro Jardim América, em setembro do ano passado.
Acrisio ainda chegou a ser socorrido e levado para o hospital Clementino Moura, Socorrão II, mas não resistiu e morreu. 
 O Imparcial

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Envolvidos em esquema de empresas fantasmas e Petrobras coordenam campanha de Edinho Lobão

‘HABLÁDORES’ Edinho escolheu beneficiados em esquema fraudulento para intermediar ‘conversas empreendedoras’ entre sua campanha e a imprensa. Foto: Agência Senado
Dois envolvidos num esquema fraudulento que desviou cerca de R$ 500 mil de um projeto de R$ 1,3 milhão firmado entre a então Fundação José Sarney – hoje Fundação da Memória Republicana Brasileira – e a Petrobras, em 2005, coordenam a campanha do senador gazeteiro sem votos, Edison Lobão Filho, o Edinho (PMDB), ao governo estadual.

Trata-te de Antônio Carlos Lima, o ‘Pipoca’, ex-secretário de Comunicação da governadora Roseana Sarney (PMDB) e atual assessor do ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, pai de Edinho; e o seu irmão, Félix Alberto Lima, dono da empresa Clara Comunicação, que fatura milhões com a Prefeitura de São Luís e deve ganhar a conta do Governo do Estado, caso Lobinho venha conseguir o prodígio de permanecer como o ungido dos Sarneys, ganhar seus primeiro voto e ser eleito em outubro próximo.

Atual7 apurou que o esquema funcionou na seguinte forma: um projeto cultural fictício foi criado para receber dinheiro da Petrobrás em forma de patrocínio. Do total de R$ 1,3 milhão repassado pela estatal para a preservação do acervo de livros, documentos e obras de arte, pelo menos R$ 500 mil foram parar em contas de empresas prestadoras de serviço com endereços fictícios em São Luís e até em uma conta paralela que nada tem a ver com o projeto. Na época, foram anexados na relação de despesas até recibos da própria Fundação José Sarney para justificar o saque de R$ 145 mil da conta aberta para movimentar o dinheiro do patrocínio, e a Petrobras era comandada por José Sérgio Gabrielli, homem de confiança do senador José Sarney (PMDB/AP), que em 2011 veio ao Maranhão lançar a pedra fundamental de um dos maiores estelionatos eleitorais planejados e executados pelo Clã, a Refinaria Premium I, no município de Bacabeira.

O envolvimento de ‘Pipoca’ se deu por meio de sua mulher, então sócia da Ação Livros e Eventos. Das 34 notas fiscais que foram emitidas pela Ação para receber o pagamento por serviços prestados ao projeto que nunca saiu do papel, 30 eram sequenciais – é como se a firma tivesse apenas a Fundação José Sarney como cliente.

Já Félix Alberto Lima teve sua participação no esquema por meio da Clara Comunicações, levando uma bolada quase duas vezes maior que a do irmão, pela divulgação do projeto cultural fictício.

Atualmente, esse tipo de divulgação continua sendo utilizada para eleger Edinho, como a usada recentemente por Roseana Sarney, ‘irmã’ do peemedebista segundo ela própria, que passou para a população maranhense, em propaganda oficial do Governo do Estado, que seu gestão é o responsável pela ampliação de um shopping na capital, o ‘São Luís’.

Atual7 apurou ainda que, além da verba despejada nas contas concorrentes da empresa da mulher de ‘Pipoca’ e da Clara Comunicação, uma parcela do dinheiro foi parar na conta da TV Mirante e duas emissoras de rádio, a Mirante AM e a Mirante FM, de propriedade do Clã Sarney, a título de veiculação de comerciais sobre o projeto que nunca saiu do papel.

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Governo Roseana recorre ao TJ e impede ida de ônibus escolares para a cidade Bacuri

Sumiço de chaves dificultou cumprimento de decisão do juiz Marcelo Farias e recurso protocolado às 23h no plantão judicial do TJ garantiu a permanência dos ônibus longe do município onde alunos de ensino médio morreram no acidente com um “pau de arara”.
São Luís, 20 de maio de 2014. Na mesma tarde em que a governadora Roseana Sarney (PMDB) entregou ônibus escolares, que estavam parados no pátio da Secretaria Estadual de Educação (Seduc),  a presidência do Tribunal de Justiça, Cleonice Freire, atendia ao pedido de feito pela Procuradoria Geral do Estado e suspendia a decisão tomada pelo juiz Marcelo Farias Santana da comarca de Bacuri, que determinava a ida de sete ônibus escolares para a cidade, onde alunos da rede estadual de ensino morreram em acidente ocorrido com um “pau de arara”, na MA-303.
O juiz Marcelo Santana Farias determinou que os sete ônibus deveriam ser buscados no pátio da Seduc ou onde quer que estivessem, e ordenou ainda que o oficial de justiça efetuasse a prisão em flagrante dos responsáveis pela guarda dos referidos ônibus, pelos crimes de resistência ou desobediência (artigos 329 e 330 do Código Penal), em caso de resistência injustificada ao cumprimento da ordem judicial.
Ao noticiar o caso, o site da AMMA ( Associação dos Magistrados do Maranhão) informou que dos sete veículos,  somente três estavam com as respectivas chaves, as  dos demais veículos não apareceram  e por isto não foi possível cumprir na integra decisão do magistrado que, no início do mês, ao apreciar Ação Civil Publica com pedido de liminar impetrada pelo Ministério Público, fixou um prazo de quinze dias para que  a situação do transporte escolar dos estudantes de Bacuri fosse regularizada.
Plantão judicial
O recurso impetrado pelo governo do Estado para evitar a ida dos sete ônibus escolares para Bacuri foi protocolado às 23h da segunda-feira, dia 19 de maio, ainda no plantão judicial, mas o desembargador de plantão, Kleber Carvalho informou que somente na manhã do dia 20, teve acesso aos autos do processo, e mesmo assim  não teria a competência legal para apreciá-lo, já que este tipo de pedido (suspensão de liminar) deve ser apreciado apenas pela presidência do TJ. Ao apreciar o caso, a presidente do TJ que acatou os argumentos do governo do Estado e revogou a decisão de primeira instância.

Corregedoria intensifica inspeções em cartórios do Maranhão

juíza corregedora Oriana Gomes 
A juíza corregedora Oriana Gomes está dando sequência a uma série de inspeções em cartórios no Estado do Maranhão. A finalidade do trabalho é garantir o bom funcionamento dos cartórios, refletindo na adequada prestação dos serviços oferecidos à população. A última inspeção realizada ocorreu no período de 13 a 15 de maio, no Ofício Único do Município de Barreirinhas, localizado a 252 km da capital.

De acordo com a juíza Oriana Gomes, a inspeção segue a metodologia de análise dos livros de registro de imóveis, de pessoas naturais e notariais, como escritura pública e procuração. Da análise, são verificados os lançamentos referentes a registros nos livros, a exemplo daqueles relacionados a imóveis, emissão de certidão de registro de nascimento, de óbito e de casamento; bem como é verificada a guarda dos documentos, o tempo para concretização dos atos e se é respeitada a obrigação de comunicação das atividades aos órgãos oficiais.
Constatou-se que havia problemas no lançamento dos registros nos livros de casamento. Parte deles constava folhas em branco, criando intervalos entre atos praticados e não lançados no livro. De acordo com Lourival Ramos, coordenador das serventias extrajudiciais, esses atos que não foram lançados são passíveis de cancelamento. “Pode haver anulação, por exemplo, de um casamento que foi realizado, mas não teve o registro no livro ou no sistema. Da mesma forma, pode ocorrer anulação de outros atos, acarretando em prejuízo para a população. Daí porque a necessidade de acompanharmos os trabalhos, intervindo de forma positiva para sua melhoria”, explicou o coordenador.
Fatores como a estrutura física e de pessoal também são verificados. Em Barreirinhas, apesar da boa condição física do prédio, foi constatada a falta de adequação para o atendimento do cidadão. “As pessoas estavam em pé, aguardando atendimento na porta do cartório. Com a nossa interferência, o responsável pelo ofício providenciou imediatamente a compra de assentos, sendo sanado o problema. Também foi adequada a rampa de acesso para pessoas com dificuldade de locomoção”, disse a juíza corregedora.
Lourival Ramos destacou que o responsável pelo cartório está realizando um grande esforço para melhorar os serviços, a exemplo da recuperação dos livros com registros públicos e a implantação de sistema informatizado de gestão, mas que ainda há necessidade de melhoria em diversos aspectos.
Questão fundiária – De acordo com a juíza Oriana Gomes, a constatação inicial da falta de regularização fundiária no Município constitui um grave problema. “O número de registros é irrelevante comparado ao número de imóveis existentes naquela cidade, onde a população é estimada em mais de 58mil pessoas. Os números de registros de que se tem conhecimento até o momento ainda é muito baixo diante dessa realidade”, pontuou.
Advertência – A juíza esclarece que o trabalho de inspeção assegura direitos de acesso aos serviços cartorários, bem como o cumprimento do dever de recolhimento dos tributos devidos. Caso sejam constatados indícios de desvios na função cartorária, são estabelecidas as providências e o prazo para resolução do problema. A depender da gravidade do caso, a Corregedoria pode afastar o titular do ofício, promovendo um substituto ou um interventor para atuar na serventia, podendo ocorrer até a perda da delegação para desempenho da atividade. “Este trabalho busca garantir a prestação adequada dos serviços ao cidadão”, ratificou.
Antes de Barreirinhas, e sempre com o apoio de servidores da Coordenadoria das Serventias Extrajudiciais, em 2014 a juíza Oriana Gomes já percorreu os Municípios de Imperatriz, Caxias, Zé Doca e Chapadinha. A juíza alerta que as atividades de inspeção continuarão acontecendo em todo o Estado.

Obra mal feita da Travessa da Balaiada causa transtorno para moradores em Rosário

Morador novamente reivindicar melhorias passeando de caiaque
Segundo denúncias feita ao blog a obra da travessa da balaiada vem trazendo transtorno para os moradores da travessa da Balaiada no centro  e ruas adjacentes é só dar uma chuva que rua da travessa da balaiada e ruas adjacentes ficam completamente alagadas.

Os moradores denunciam que a rua ficar um nojo intrafegável só dar para trafegar pela travessa da balaiada de caiaque ou de lancha os moradores correm o risco de doenças como leptospirose.   

A prefeita Irlahi Linhares, mostra um desrespeito grande com a população uma obra mal acabada aonde se que a prefeitura de Rosário da satisfação para a população, não  mostra uma placa com o valor da obra e a duração e o CNPJ,  a prefeitura não mostra o valor da obra no portal de transparência da prefeitura um crime contra  a lei complementar 131, conhecida como lei do portal de transparência Click aqui! 





terça-feira, 20 de maio de 2014

Imagem do Dia:Moradores da Vila São José cobram os seus direitos em Rosário


Os manifestantes encontram-se no Gabinete da prefeita enquanto os demais estão aguardando na porta da Prefeitura.

Carlos Brandão contesta declaração de Pedro Fernandes sobre retorno do partido ao comando do país

Deputado federal Carlos Brandão
A força política do PSDB é expressiva, sinônimo de transformação, sendo este o seu verdadeiro legado. Por este motivo, é natural que cause temor o retorno do PSDB ao comando do país.
Aos que propagandeiam que a Social Democracia construiu um país desigual e distorcem as propostas de nosso ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, vamos aos fatos.
Antes do modelo FHC, era comum em nosso país auxílios variados, intermediados pelo poder público local. Depois da política adotada pelo ex-presidente, foi estruturada uma rede de proteção social para combater a pobreza, gerando um novo patamar de combate à exclusão social.
Isto significa, na prática, que ao final de 2002, cerca de 6,5 milhões de famílias já estavam sendo atendidas nos programas de transferência de renda estabelecidos nos governos de FHC.
Outros 6,5 milhões de trabalhadores rurais estavam beneficiados com aposentadoria plena. Cerca de 1,5 milhão de pessoas idosas ou com deficiência recebiam seu benefício continuado de um salário mínimo. Consequência: entre 1994 e 2001, a participação dos gastos sociais no orçamento federal passou de 23% para 28,3%, elevação real de quase 70%.
O PSDB foi o responsável pela criação de programas como Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, Programa Bolsa Escola, Programa de Garantia de Renda Mínima, Programa Bolsa Alimentação, Programa Auxílio-Gás, mais tarde apropriados pelo governo petista, que só se preocupou em dar outra roupagem à maioria deles, chamando-os de Bolsa Família.
Ou seja: se geramos programas como esses, se eles tiveram sucesso e hoje sustentam governos inexperientes, o próximo passo é retomar as rédeas e democratizarmos mais programas que sejam benéficos para a nossa população.
Vamos agora ao Plano Real. Há duas décadas, após o fracasso de vários planos econômicos, o Plano Real pôs fim à hiperinflação. As gerações atuais vivem com mais qualidade porque um grande trabalho foi desenvolvido para combater a inflação que dizimava a renda das famílias, alimentava a desigualdade social e impedia o país de crescer.
Se o nosso país obteve avanço é porque, sem dúvida, vinte anos atrás FHC nos deixou uma herança que hoje é patrimônio. Em compensação, sabemos que se o Brasil encara atualmente um momento delicado, de baixo crescimento, inflação rediviva e coloca a própria credibilidade em risco é porque o governo federal se sustenta no medo. Causa medo. Multiplica o medo.

Mais medo ainda tem o governo do país ao enxergar, sem querer acreditar, que o senador Aécio Neves foi capaz de propor projeto de lei que incorpora o Bolsa Família à Lei Orgânica de Assistência Social – LOAS, com objetivo claro de assegurar a inclusão do beneficio no conjunto de políticas públicas de assistência social e de erradicação da pobreza no Brasil. Ou seja: o Bolsa Família não seria mais um programa de governo. Seria um programa de Estado.
O que o Partido dos Trabalhadores faz? Impede a sua votação. Foi posta em cheque a aplicabilidade de seu único trunfo – lembremos -, originado pelo PSDB e tocado como seu. Isso revela que a prioridade do partido é apenas o uso eleitoral do Bolsa Família.
O que o PT promove é o adiamento da votação deste projeto de lei no Senado, junto com a garantia da manutenção do Bolsa Família dentro do conjunto de diretos assegurados às famílias, independentemente da vontade do governo, como os benefícios já garantidos de assistência à maternidade, à infância, à adolescência e à velhice.
Relembrando, agora, a ideia da matéria publicada recentemente pela oposição, onde é retratado o temor do deputado federal Pedro Fernandes quanto à volta do PSDB à presidência da República, em entrevista à Rádio Capital, concluo: do que o povo está com medo é da inflação que voltou, da corrupção instalada em nosso país e dos canteiros de obras inacabadas – o que representa um desperdício de dinheiro público – a exemplo da Refinaria Premium I, em Bacabeira.

Tucanos afirmam que construção de refinaria da Petrobras no MA virou enganação

Deputados tucanos consideram como estelionato eleitoral a promessa de construção da refinaria Premium I, em Bacabeira, a 60km de São Luís, no Maranhão. A obra que começou antes da eleições de 2010, foi abandonada ainda na fase de terraplanagem, depois de consumir cerca de 1 bilhão e meio de reais.
Segundo o Tribunal de Contas da União (TCU) havia várias irregularidades. O deputado Carlos Brandão (PSDB-MA) lembra que às vésperas das eleições de 2010, o então presidente Luiz Inácio “Lula” da Silva, a candidata Dilma Rouseff, o ministro de Minas e Energia, Edson Lobão e a governadora Roseana Sarney estiveram presentes no lançamento. Eles prometiam que esta seria a maior refinaria da América Latina e que poderia produzir 600 mil barris de petróleo por dia.
Para Carlos Brandão, o povo acreditou que haveria desenvolvimento para a região. “Foi um estelionato eleitoral. Fizeram desmatamento na área, gastaram o que gastaram em Pasadena e deixaram tudo abandonado”, disse o deputado.
Segundo o jornal O Globo, a presidente da Petrobrás, Graça Foster, anunciou nova licitação para a refinaria, criando mais espectativa para a geração de novos empregos.
Para o deputado Pinto Itamaraty (PSDB-MA), a história é a mesma, com poucas alterações. Desta vez, o prometido é gerar milhares de empregos e entregar a refinaria em 2018. “Enganaram o povo maranhense, eles compraram um sonho e foram enganados. Agora eles vão propor mais uma vez porque falta pouco para as eleições, e depois fica tudo parado novamente. É uma enganação, um engodo”, declarou.


A sequência de erros envolvendo a refinaria Premium I é mais um desmando da estatal a ser investigado pela CPI mista da Petrobrás.

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Madeira diz que o povo deveria ter medo é do deputado Federal Pedro Fernandes

O prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira (PSDB) não deixou barato as declarações do deputado federal Pedro Fernandes (PTB), reverberadas nos blogs de Marco D’Eça e Gilberto Léda. Colocado de escanteio pelo grupo Sarney, o ex-secretário de Educação do Estado disse, em entrevista à Rádio Capital, que tem medo da volta de um governo do PSDB ao país.
Ao tomar conhecimento do fato, Sebastião Madeira, que é uma das principais lideranças do PSDB do Maranhão e referência na direção nacional do partido,  entrou em contato com este blog e rebateu em tom firme o que disse Fernandes.
O povo devia ter medo é do secretário, que enquanto as crianças morrem em ‘pau-de-arara’ existem dezenas de dezenas de ônibus escolares entocados“, disparou Madeira em conversa por telefone com o editor deste blog, referindo-se ao fato de que 64 ônibus novos, adquiridos para transporte escolar em municípios do interior do Estado, estão guardados, há pelo menos três meses, em um depósito da Secretaria de Educação (Seduc), no bairro do Turu, em São Luís. A distribuição correta desses veículos no Maranhão poderia ter evitado a tragédia no município de Bacuri, que vitimou adolescentes no último dia 30 de abril.
Ao desmentir que o PSDB vai acabar com o Bolsa Família, o prefeito reiterou ainda que os programas sociais hoje existentes foram criados no governo do PSDB. Neste domingo, o Jornal Pequeno publica uma entrevista bombástica com Madeira. Em certo trecho, ela chega a dizer que traidores foram aqueles que conspiraram contra a candidatura de Luis Fernando.
Aécio vai manter o Bolsa Família
Durante discurso no ato que oficializou o apoio do PSDB à pré-candidatura de Flávio Dino (PCdoB) ao governo, ocorrida no último dia 9 em São Luís, o senador Aécio Neves negou que queira acabar com o Bolsa Família. O presidenciável tucano afirmou que vai manter o programa e acrescentou que é dele a proposta que transforma o Bolsa Família em política de Estado.
“Por incrível que pareça é o PT que está retardando a tramitação desse projeto. Eles querem ter um programa para chamar de seu e usar como plataforma eleitoreira”, criticou Neves na cerimônia que sacramentou a aliança entre comunistas e tucanos para derrotar a oligarquia Sarney. A união tem como finalidade tirar o Maranhão das últimas colocações nos indicadores sociais e fazer com que o estado saia da condição de atraso/miséria em que se encontra.
A declaração de Aécio foi uma resposta a acusações, infundadas, de aliados do grupo Sarney no Maranhão que apoiam a candidatura de Lobão Filho (PMDB) de que a oposição poderia extinguir o programa se fosse eleita.
O projeto de Aécio Neves prevê a incorporação do Bolsa Família à Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS) para se tornar permanente, atrelado às políticas públicas de assistência social e erradicação da pobreza no país. O tucano também apresentou outro projeto, em tramitação no Senado, que assegura aos chefes de família receberem o benefício do Bolsa Família seis meses depois de conseguirem um emprego com carteira assinada.

Por blog John Cutrim

Juiz de Pedreiras determina bloqueio de conta do Município de Lima Campos

Em decisão datada da última sexta-feira (16), o juiz titular da 1ª Vara da Comarca de Pedreiras, Marco Adriano Ramos Fonsêca, determinou o bloqueio da conta do Município de Lima Campos perante o Banco do Brasil, destinada ao recebimento do FUNDEB. O bloqueio deve atingir o limite do valor de R$ 339.013,20 (trezentos e trinta e nove mil, treze reais e vinte centavos), a ser transferido para conta judicial à disposição da Vara.
Na decisão, o juiz determina o prazo de 24 horas para que o gerente da agência do BB de Lima Campos comunique ao Juízo informação sobre saldos disponíveis na conta bancária do município, bem como a confirmação do bloqueio e da transferência determinados.
A citação e notificação do município, por intermédio do prefeito ou do procurador do município habilitado no Juízo para conhecimento da decisão e eventual contestação da ação cautelar constam da decisão do magistrado.
Forma lesiva e ilegal - A decisão atende à Ação Cautelar com pedido de liminar de bloqueio de valores interposta pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Lima Campos em desfavor do município, com “fundamento na forma lesiva e ilegal, à revelia da Lei, com que o prefeito municipal e o secretário de educação do município têm administrado o dinheiro do FUNDEB em Lima Campos”.
Na ação, o SINDSEP alega que a União repassou ao Município de Lima Campos créditos sob as rubricas Complementação da União Piso e Ajuste do FUNDEB/2013, depositados em 02 de maio de 2014 na conta vinculada do Município de Lima Campos, sendo que em ofício encaminhado ao Sindicato (ofício 023/2014) o Município afirmou que não seria possível a destinação dos recursos para pagamento em favor dos servidores da área da Educação, e que a Secretaria de Educação concluiu que tais recursos seriam utilizados para o pagamento das dividas com o INSS.
Em suas alegações, o juiz Marco Adriano afirma que “restou demonstrado o recebimento de recursos relativo aos repasses constitucionais por parte do Município, bem como a pretensão do Município em, de forma deliberada, deixar de promover o repasse dos valores aos professores da rede municipal de ensino”.
Diz o magistrado: “infere-se que a escolha da administração pública em utilizar os recursos do FUNDEB para adimplemento de dívidas previdenciárias mostra-se controvertida, pois, em verdade, tais verbas constitucionais devem ser empregadas exclusivamente para a manutenção e desenvolvimento da educação básica e à remuneração condigna dos trabalhadores da educação”.
O juiz destaca ainda que é fato público e notório que eventuais débitos previdenciários dos Municípios com o INSS já são objeto de retenção mensal nos repasses do FPM, e que todos os municípios inadimplentes estão incluídos em regime especial de parcelamento de débitos previdenciários.
Esclarecimento - Ressalta o magistrado na decisão: “até o esclarecimento acerca da natureza da complementação de FUNDEB repassada pela União e a sua correta aplicação, NÃO SE RECOMENDA A LIBERAÇÃO DOS RECURSOS OBJETO DOS AUTOS PARA PAGAMENTO AOS SERVIDORES REPRESENTADOS PELO SINDICATO REQUERENTE, impondo-se, apenas, a constrição dos recursos, que deverá permanecer disponível em conta judicial, incidindo os juros e correção monetária que preservem o seu valor monetário.

Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão

GRAÇA BOTENTUIT EX- VEREADORA MASSACRA SEM TETO DE ROSÁRIO

A ex-vereadora Graça Botentuit  é filha de Cezar Botentuit funcionário da Estrada de Ferro São Luís Teresina. Ela foi  criada em berço de ouro, formou-se em Agronomia e  é funcionária Estadual é  casada com Álvaro Antônio Serra de Castro procurador do Estado, ambos amigos e protegidos pela família Sarney  deduz-se tenha usado tráfico de influência para abocanhar terras de domínio do município de Rosário. É proprietária de grande  quantidade de terras improdutivas estava  apenas cercada e nessa área não havia plantações.

Resta-nos agradecer pelo apoio que sempre demos a  ex-vereadora Graça e a família Sarney a seu pedido.  Esta Senhora tem uma Clinica:  Roseana Sarney na Rua Benedito Leite e que recebe dinheiro  do Ministério da Saúde para manutenção e vive fechada. Tem um Complexo Esportivo que também  não funciona e uma casa onde deveria funcionar uma escola de música está fechada por mais de quatro anos. 

Sabe-se que ela mora em São Luís e a sua mansão está rodeada de Ônibus, caminhonetes Combs etc. E,  que todo esse aparato advém de recursos públicos. E, nós somos desempregados, filhos de lavradores, pescadores, carroceiros e empregadas domesticas, mães solteiras transformados em invasores que sonhamos com uma casinha para criar nossos filhos e não conseguimos por falta de terras que estão simplesmente cercadas e abandonadas pelos seus chamados donos.

Bandidos explodem uma agência bancária em Bacabeira

A explosão da agência da cidade de Bacabeira, aconteceu na madrugada de domingo (18), e chamou a atenção dos vizinhos que logo após chamaram a polícia, que chegou momentos depois ao local, onde dois elementos  já haviam se evadindo, levando muito dinheiro...


sexta-feira, 16 de maio de 2014

Imagem do Dia:Venha logo bem rápido conhecer a Cidade de Rosário, turistas e filhos de Rosário, antes de ver a prefeita Irlahi Linhares acabar e sucatear com Ela....



A prefeita de Rosário Irlahi Linhares, vem destruindo a cidade, sem pena a falta de infraestrutura é bem clara nos bairros da cidade de Rosário...

Imperatriz: Flávio Dino, Sebastião Madeira, Rosângela Curado, Carlinhos Amorim e Pastor Porto se unem em nome da mudança‏

 Flávio Dino, Sebastião Madeira, Rosângela Curado, Carlinhos Amorim e Pastor Porto 
Reunindo as três principais lideranças de Imperatriz, Flávio Dino (PCdoB) esteve em Imperatriz para mais uma agenda política na Região Tocantina. Na segunda maior cidade do Maranhão, Flávio Dino tem o apoio dos três primeiros colocados na eleição de 2012: Sebastião Madeira (PSDB) atual prefeito do município, Rosângela Curado (PDT) e Carlinhos Amorim (PDT). A reunião contou também com o vice-prefeito Pastor Porto (PPS).
O encontro de Flávio Dino com os três líderes políticos da cidade marcou o cenário político da Região Tocantina nesta quinta (15). Em almoço que selou a união da classe política imperatrizense em torno do projeto de alternância de poder para o Maranhão, Flávio Dino destacou a importância da unidade de lideranças políticas pela virada de página no Maranhão.
“Estamos conversando, unindo todas as forças progressistas que queiram integrar um projeto que tem como norte o nosso Programa de Governo, baseado no Desenvolvimento e Justiça Social”, disse Dino, ao destacar a união de forças políticas em todo o estado no que as lideranças de oposição têm chamado de Partido do Maranhão.
O entendimento de que o momento de união de forças para conduzir o Maranhão em torno de um novo modelo político foi o fio condutor do almoço entre os três principais nomes da disputa eleitoral de Imperatriz em 2012. Naquele ano, Sebastião Madeira, Rosângela Curado e Carlinhos Amorim estiveram em palanques diferentes, mas que se unem em 2014 para conduzir a candidatura de Flávio Dino ao governo do estado.
Ambos do PDT, o deputado estadual Carlinhos Amorim e Rosângela Curado comentaram após a reunião que o momento é de entendimento por um projeto maior, de mudança para o estado. “Esse é o sentimento de Imperatriz neste momento, que é o mesmo que sentimos por todo o Maranhão,” disse Rosângela Curado – que fez questão de destacar que, mesmo em lados opostos na política local, as principais lideranças políticas de Imperatriz se unem com respeito às opiniões divergentes. “Este é um momento macro, é um movimento estadual pela mudança,” completou.
Já Carlinhos Amorim destacou que Flávio Dino possui um projeto de Desenvolvimento consistente para implantar um período de crescimento econômico e justiça social no Maranhão. “Também tenho a concepção de união em nome de uma causa maior. O nome de Flávio Dino é hoje o mais indicado para conduzir o Maranhão para esse novo estágio, pois ele conhece o estado, tem bons propósitos e está sintonizado com o sentimento da população,” afirmou.
Em recepção ao pré-candidato Flávio Dino, Sebastião Madeira e Pastor Porto também fizeram questão de ressaltar a importância da união de forças em Imperatriz. Madeira afirmou em evento na sede do PSDB que sua decisão de apoiar Flávio Dino, mesmo ciente de possíveis atos de perseguição, deve ser um exemplo para outros prefeitos do Maranhão. Para ele, a decisão apoiar Flávio Dino não foi tomada apenas para seguir o partido, mas também pela certeza que não poderia estar de outro lado.
"Acredito em Flávio Dino e, sendo governador, possa motivar os líderes e população para que seja feita uma ação transformadora no estado. Eu acho que a palavra é transformação e a primeira será transformar desesperança em esperança", afirmou Madeira.
Mobilização popular
Flávio Dino destacou também o grande movimento que tem se espalhado pelo Maranhão e reunido partidos, forças sociais, lideranças religiosas, empresariais, sindicais, comunitárias e populares. Através dos seminários do movimento Diálogos pelo Maranhão, Dino está construindo um Programa de Governo calcado em sugestões de vários setores da sociedade.
O pré-candidato a governador aproveitou para reconhecer a importância do apoio do prefeito Sebastião Madeira. "A decisão de Madeira tem um grande peso não só em Imperatriz ou na região, mas no estado inteiro. Ele se une nesse momento a lideranças importantes na cidade como vereadores, presidentes de partido, deputado Carlinhos Amorim, Pastor Porto e a Rosângela Curado”.
O pré-candidato ao governo ainda comemorou a maturidade política da oposição de união em um mesmo projeto para o Maranhão. “Conseguimos restabelecer essa união política para desenvolver o Maranhão. Madeira neste momento se une a um movimento forte, consistente e que vai trazer dias melhores para o nosso estado", destacou, ao relatar que lideranças de partidos progressistas no Maranhão inteiro estão fortalecendo o projeto político de mudança para o estado.
Dino lembrou também a contribuição de Madeira com propostas de ações para o Governo do Estado. Uma delas é a venda da casa de veraneio para investir em uma unidade de saúde para tratamento de câncer do Maranhão. A segunda é o Programa de regularização fundiária de implantado em Imperatriz e que pode servir de exemplo para outras regiões do Maranhão.

O machismo impera na Câmara de Bacabeira.

A vereadora kellyane é a única mulher dentre 11 vereadores.  A Parlamentar tem permanentemente recebido inúmeras denúncias dos mal ...