sábado, 30 de janeiro de 2016

TJ determina prisão preventiva do prefeito Ribamar Alves

O desembargador Froz Sobrinho, plantonista de 2º Grau do Tribunal de Justiça do Maranhão deste fim de semana, decidiu em audiência de custódia realizada na noite de sexta-feira (29), determinar a prisão preventiva do prefeito de Santa Inês, José de Ribamar Costa Alves. Ele foi preso em flagrante pela polícia acusado de estupro contra uma jovem de 18 anos. Pelo cargo que ocupa, o prefeito tem prerrogativa de foro privilegiado, respondendo diretamente ao TJMA.
De acordo com a decisão, ficaram provados, neste momento, os indícios de autoria e materialidade da conduta delitiva do prefeito Ribamar Alves. “Os fatos relatados e as provas juntadas não trazem dúvida quanto à conduta delitiva do custodiado. […] Embora o custodiado sustente que tenha havido consentimento da vítima, os depoimentos da mesma e de uma testemunha seguem direção contrária”, pontuou o desembargador Froz Sobrinho durante a leitura de sua decisão. Durante a audiência, o custodiado ratificou o depoimento dado à polícia, no qual confirmou ter tido relação sexual com a vítima.
Segundo o magistrado, as medidas cautelares previstas no Artigo 319 do Código Penal “são insuficientes”, visto que o crime de estupro é de “hediondez extrema”, podendo ser efetivado não apenas com violência física, mas também moral. O desembargador Froz Sobrinho lembrou, ainda, juntando certidão aos autos, de condenação criminal já existente e transitada em julgado contra o prefeito José de Ribamar Alves, caracterizado pelo Artigo 61 da Lei de Contravenção Penal, ao ter tentado beijar à força uma juíza de Direito da Comarca de Santa Inês.
A prisão preventiva foi justificada, também, com o objetivo de evitar reiteração da prática delitiva do custodiado, em face do interesse público, sendo ela imprescindível. A decisão seguiu o parecer do Ministério Público, representado na audiência pela procuradora Terezinha de Jesus Anchieta.
O prefeito Ribamar Alves foi preso na manhã de sexta-feira (29), em sua residência na cidade de Santa Inês. Ele prestou depoimento em São Luís na Secretaria de Segurança Pública durante toda a tarde.
PIONEIRISMO – A audiência de custódia conduzida pelo desembargador Froz Sobrinho foi a primeira a ser realizado no Maranhão na Justiça de 2º Grau. O projeto, pioneiro no Brasil, é realizado no 1º Grau desde outubro de 2014, adotado em vários estados do país e, nesta semana, foi destaque no relatório da organização não governamental Human Rights Watch (HRW), que já tinha classificando-o como uma solução para que o Brasil diminua a violência no sistema prisional.


Por Jorge Aragão

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Prefeito de Santa Inês foi preso em flagrante por estupro

Prefeito de Santa Inês Ribarmar Alves
O delegado Rafael Reis deu ainda pouco um flagrante no prefeito de Santa Inês, Ribamar Alves. O prefeito estava violentando sexualmente uma menor de 17 anos. Ele foi pego com a “boca na botija”.
Agora o prefeito está sendo transferido para a cadeia de São Luís, para a sede da SPCI, Secretaria de Segurança Pública.
O blog está apurando mais detalhes…


Do blog da Riquinha..

Imagem triste do dia: Bairro Ivar Saldanha falta de infraestrutura e completamente abandonado pela prefeita de Rosário.

Essa é a realidade da cidade de Rosário a falta de infraestrutura de muitos bairros de Rosário que estão abandonados pela prefeita Irlahi Moraes.

O bairro Ivar Saldanha está completamente  abandonado pela prefeitura  de Rosário, a falta de infraestrutura gera revolta dos moradores.


Senador Roberto Rocha receberá título de cidadão imperatrizense


O senador Roberto Rocha receberá o título de cidadão imperatrizense, que será outorgado pela Câmara Municipal de Imperatriz na próxima terça-feira, 2 de fevereiro. A outorga do título foi proposta pela vereadora Caetana Frazão e aprovada por unanimidade.

A vereadora explicou que o título de cidadão imperatrizense é o reconhecimento pelos serviços de mérito excepcional prestados pelo senador Roberto Rocha ao município de Imperatriz.
A sessão solene de entrega do título acontecerá às 10h, no Palácio Dorgival Pinheiro, sede da Câmara Municipal.
​ 

Lobão Filho diz que Maranhão se arrepende de ter eleito o comunista Flávio Dino.

Senador Lobão Filho
O senador Edison Lobão Filho criticou, durante o seu discurso no evento que consolidou o vereador Fábio Câmara no comando do diretório municipal do PMDB, a gestão do governador Flávio Dino (PCdoB).

“O Maranhão se arrepende do que aconteceu há um ano. O destino do Maranhão teria sido outro se o PMDB estivesse no comando do Governo do Estado. Infelizmente, o povo sofre no interior, na nossa capital, pela falta de um governo que cumpra tudo o que prometeu e faça a esperança do povo prevalecer”, disse.

RUPTURA
Lobão Filho acrescentou que, com a derrota nas urnas, houve apenas uma “ruptura temporária” no protagonismo do PMDB na política local. Ele avaliou que o partido voltará mais forte em 2018, após o resultado das eleições municipais deste ano.

“Durante muitos anos demos nossa contribuição efetiva na condução do estado do Maranhão. Nas últimas eleições, houve uma pequena ruptura temporária nes­se processo. O Maranhão deu uma desviada, mas vai retornar ao seu caminho que é justo, que é o que o povo merece. O estado entrará de novo no rumo certo”, completou.

Lobão Filho foi adversário do governador Flávio Dino na eleição de 2014.

Ele tem criticado o comunista desde o ano passado, quando foi iniciado o mandato do atual gestor. O peemedebista já conde­nou a relação do Palácio dos Leões com a Assembleia Legislativa e a tentativa do governador de neutralizar a oposição na Casa. l

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Falta de infraestrutura nas ruas de Rosário deixa moradores revoltados e indignados

A falta de asfalto é apenas um dos problemas dos moradores da Vila Pereira em Rosário. Na principal rua de acesso ao bairro, lama, buracos e esgoto a céu aberto são outras reclamações. A população não sabe mais a quem recorrer. “Já faz quatro anos que pedimos para prefeitura de Rosário realizar um trabalho aqui, mas até hoje nada foi feito”, reclamou a denunciante. 


A falta de infraestrutra também traz companhias indesejáveis. “Quando chove é muita enxurrada que desce, vem lixo pra minha porta, entra rato dentro de casa, e quando passa o inverno a poeira que entra na minha casa”, falou outra moradora. 


No bairro da Vila Ivar Saldanha, a coisa está feia,  os moradores cobram ações da Prefeita, Irlahi Linhares Moraes do PMDB para recuperar a infraestrutura das vias. Segundo eles, quando chove, os problemas pioram, o que os levou a interditar algumas ruas. A Rua do Fio, no bairro Vila Ivar Saldanha, está interditada há dias. Os moradores utilizaram entulhos para impedir a passagem de veículos. Segundo os moradores, a interdição foi a forma encontrada para chamar atenção do poder público para a falta de infraestrutura na via que tem piorado com as chuvas.


terça-feira, 26 de janeiro de 2016

São Luís é a 21° cidade mais violenta do mundo

ONG mexicana ‘Conselho Cidadão pela Seguridade Social Pública divulgou o ranking das cidades mais violentas do mundo em 2015.
O Brasil tem o maior número de cidades entre as 50 mais violentas do mundo, ao todo são 21 cidades.
São Luís ocupa a 21° posição entre as cidades mais violentas no mundo.
Além disso, a capital maranhense é a sexta mais violenta no país perdendo para Fortaleza, Natal, Salvador, João Pessoa e Maceió.
Das dez cidades mais violentas do país sete estão no Nordeste e três na região Norte.
Veja o ranking:
1° – Caracas (Venezuela) – 119.87 homicídios/100 mil habitantes
2° – San Pedro Sula (Honduras) – 111.03
3° – San Salvador (El Salvador) – 108.54
4° – Acapulco (México) – 104.73
5° – Maturín (Venezuela) – 86.45
6° – Distrito Central (Honduras) – 73.51
7° – Valencia (Venezuela) – 72.31
8° – Palmira (Colômbia) – 70.88
9° – Cidade do Cabo (África do Sul) – 65.53
10° – Cali (Colômbia) – 64.27
11° – Ciudad Guayana (Venezuela) – 62.33
12° – Fortaleza (Brasil) – 60.77
13° – Natal (Brasil) – 60.66
14° – Salvador e região metropolitana (Brasil) – 60.63

15° – ST. Louis (Estados Unidos) – 59.23
16° – João Pessoa; conurbação (Brasil) – 58.40
17° – Culiacán (México) – 56.09
18° – Maceió (Brasil) – 55.63
19° – Baltimore (Estados Unidos) – 54.98
20° – Barquisimeto (Venezuela) – 54.96
21° – São Luís (Brasil) – 53.05
22° – Cuiabá (Brasil) – 48.52
23° – Manaus (Brasil) – 47.87

24° – Cumaná (Venezuela) – 47.77
25° – Guatemala (Guatemala) – 47.17
26° – Belém (Brasil) – 45.83
27° – Feira de Santana (Brasil) – 45.50

28° – Detroit (Estados Unidos) – 43.89
29° – Goiânia e Aparecida de Goiânia (Brasil) – 43.38
30° – Teresina (Brasil) – 42.64
31° – Vitória (Brasil) – 41.99

32° – Nova Orleans (Estados Unidos) – 41.44
33° – Kingston (Jamaica) – 41.14
34° – Gran Barcelona (Venezuela) – 40.08
35° – Tijuana (México) – 39.09
36° – Vitória da Conquista (Brasil) – 38.46
37° – Recife (Brasil) – 38.12
38° – Aracaju (Brasil) – 37.70
39° – Campos dos Goytacazes (Brasil) – 36.16
40° – Campina Grande (Brasil) – 36.04

41° – Durban (África do Sul) – 35.93
42° – Nelson Mandela Bay (África do Sul) – 35.85
43° – Porto Alegre (Brasil) – 34.73
44° – Curitiba (Brasil) – 34.71

45° – Pereira (Colômbia) – 32.58
46° – Victoria (México) – 30.50
47° – Johanesburgo (África do Sul) – 30.31
48° – Macapá (Brasil) – 30.25
49° – Maracaibo (Venezuela) – 28.85
50° – Obregón (México) – 28.29

Seletivo realizado pela Secretaria de Ciência e Tecnologia para o ensino médio técnico, em tempo integral, tem sido alvo de protestos de pais de alunos e professores em Bacabeira.

O “seletivo” realizado pela Secretaria de Ciência e Tecnologia para o ensino médio técnico, em tempo integral, tem sido alvo de protestos de pais de alunos e professores em Bacabeira.

Ocorre que o edital do seletivo levou em consideração, em primeiro plano, não a nota dos alunos que concluíram o ensino fundamental, mas sim a “proximidade com a escola”.

Com o critério adotado, estudantes que tiveram desempenho escolar superior perderam as vagas para outros que passaram “na média”.

Na cola

O resultado do seletivo para o curso de administração em Bacabeira mobilizou até professores da rede pública municipal.

Um professor do Complexo Bacabeirense, por exemplo, promete ir ao Ministério Público contra o Governo, em decorrência do seletivo “nada democrático”.

Pais de alunos e os próprios estudantes afirmam que o mais justo seria a realização de uma prova, para avaliação de desempenho individual. O Governo, contudo, optou por outro método e frustrou pais de alunos.

Flávio Dino recebeu R$ 5,4 bilhões do Governo Federal, mas não disse a que veio

Mesmo com o cofre cheio, Flávio Dino decepcionou no primeiro ano do seu governo 
A administração federal foi bastante generosa com o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), no primeiro ano de gestão do comunista. Segundo informa o Portal da Transparência, a União reforçou os cofres do aliado de primeira hora da presidente Dilma Rousseff (PT) com mais de R$ 5,4 bilhões em transferências do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), repasses do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), do Fundo Estadual de Saúde e até com royalties pela produção de petróleo e gás.
Foram diversas as fontes de recursos federais que reforçaram o caixa do governo Flávio Dino. Além do FPM (quase R$ 4 bilhões), do Fundeb (mais de R$ 964 milhões), das verbas da saúde (R$ 306,8 milhões) e dos royalties (mais de R$ 45 milhões), a gestão do comunista recebeu montantes expressivos a título de compensação de exportação (R$ 18 milhões) e cotas da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) (R$ 10,2 milhões) e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) (R$ 18 milhões).
Outros R$ 23,7 milhões foram destinados ao Maranhão para implantação, ampliação ou melhorias de sistemas de esgotamento sanitário em municípios com população acima de R$ 50 mil habitantes.
Repasses federais ao governo do Maranhão somaram mais de R$ 5,4 bilhões no primeiro ano do governo Flávio Dino
Repasses federais ao governo do Maranhão somaram mais de R$ 5,4 bilhões no primeiro ano do governo Flávio Dino
Apesar da fartura de verbas federais, somada às receitas próprias do governo local, geradas por um sistema tributário estadual baseado atualmente no aumento de impostos e taxas, Flávio Dino não correspondeu às expectativas do povo, sobretudo dos maranhenses que lhe confiaram o voto.
O que se viu, na verdade, em meio a tantos recursos públicos disponíveis, foi o velho discurso surrado de mudança de um governador que, mesmo após mais de um ano no cargo, tem dificuldade para descer do palanque.
Para quem prometeu tornar o Maranhão um ambiente de paz e justiça social, o comunista deixou muito a desejar, principalmente em setores cruciais para o bem estar dos cidadãos, como saúde e segurança pública. Mas é preciso cautela, pois foi só o primeiro ano de gestão. Espera-se que os próximos três sejam de bonança.



Por Daniel Matos

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Rodoviários da Grande São Luís ameaçam paralisar as atividades por tempo indeterminado

O Sindicato dos Rodoviários do Maranhão (Sttrema) informou nesta segunda-feira (25), por meio de nota, que deverá paralisar as atividades na capital maranhense se o Governo do Estado não apresentar medidas eficazes para reduzir a violência dentro dos coletivos.
Segundo o sindicato, na semana passada, mais duas ações criminosas foram registradas em São Luís. Na BR-135, no Maracanã, um ônibus da Viação Primor foi assaltado por cinco homens armados com facas, na quarta-feira (20). Na ocasião o motorista do veículo chegou a ser golpeado, mas superficialmente, recebendo logo em seguida, atendimento médico em um hospital particular da capital e liberado na mesma noite.
Outro caso semelhante, ocorreu também na noite de quarta-feira, só que no bairro do Tibiri. Cinco homens, armados com facas e facões, invadiram um ônibus da empresa Menino Jesus de Praga, rendendo os passageiros, além do motorista e cobradora, que ainda apanharam de facão e tiveram os pertences levados pelos criminosos. Com mais esses dois casos, já são pelo menos 30 assaltos a ônibus contabilizados nesses primeiros vinte dias do ano.
Insegurança
De acordo com o Sttrema, já ocorreu uma reunião com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), mas até agora, nenhuma medida surtiu efeito. “Se essas operações policiais não alcançarem os resultados que a categoria espera, teremos que tomar uma medida mais drástica. Não podemos aceitar que trabalhadores continuem sendo ameaçados por bandidos em pleno exercício da atividade", disse Isaias Castelo Branco, presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão.
A intenção da categoria é paralisar as atividades por tempo indeterminado. "Se as ocorrências, relacionadas a assaltos a ônibus em São Luís não diminuírem, vamos ter que paralisar e só retornaremos, quando tivermos a garantia que a situação melhorou”, disse o presidente.
O ESTADO ONLINE entrou em contato com a SSP, que informou que têm adotado uma série de medidas, como as operações Transporte Seguro, Malha Metropolitana, Saturação e Transporte Embarcado. A SSP ressaltou as Polícias Civil e Militar têm efetuado prisões de assaltantes de coletivos e mais de 100 assaltantes já teriam sido identificados pela Secretaria de Segurança.
A secretaria disse, ainda, que a PMMA tem realizado o policiamento ostensivo nos cinco terminais de integração e montado barreiras policiais em vários pontos estratégicos da cidade, como nas Avenidas dos Holandeses, Daniel de La Touche, Getúlio Vargas, Franceses, Portugueses, Guajajaras, Africanos e MA 201, na qual tem sido realizadas abordagens e revistas em passageiros e no interior dos coletivos.
A SSP assegurou, ainda, que uma Força-Tarefa pontual foi montada na Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), com o aporte de delegados, para trabalharem na investigação, identificação e na resolução dessa prática criminosa. Equipes do Serviço de Inteligência da Polícia Militar e da Polícia Civil têm trabalhado de forma conjunta a fim de prender os autores dos assaltos.
Leia, na íntegra, a nota
O Sindicato dos Rodoviários do Maranhão vem a público esclarecer que, principalmente, nos últimos dias, toda a diretoria está acompanhando de perto, a situação da insegurança na capital maranhense. Na semana passada, dois fatos, que resultaram em um motorista ferido e outro motorista e cobradora agredidos, deixou a entidade em estado de alerta.
A preocupação tem tomado proporções ainda maiores, porque já ocorreu uma reunião com a Secretaria de Segurança Pública, órgão que tem a responsabilidade de garantir a tranquilidade de usuários e trabalhadores nas paradas e dentro dos coletivos, mas até agora, nenhuma medida surtiu efeito, como por exemplo, reforço do policiamento, criação de uma força-tarefa como forma de inibir as ações dos criminosos e o trabalho conjunto do serviço de inteligência das policias civil e militar.
“Se essas operações policiais não alcançarem os resultados que a categoria espera, teremos que tomar uma medida mais drástica. Não podemos aceitar que trabalhadores continuem sendo ameaçados, por bandidos, em pleno exercício da atividade. Se as ocorrências, relacionadas a assaltos a ônibus em São Luís não diminuírem, vamos ter que paralisar e só retornaremos, quando tivermos a garantia que a situação melhorou”, ressalta Isaias Castelo Branco, Presidente do Sindicato dos Rodoviários do Maranhão.

De OEstado

sábado, 23 de janeiro de 2016

Bira Torres e Gilvan Luna juntos em Bacabeira.

Bira Torres candidato a prefeito de Bacabeira e Gilvan Luna o seu vice.
Como o blog anunciou o candidato a prefeito de Bacabeira,o ex vereador Ubirajara Tores, o Bira ( PP) e o empresário Gilvan Luna (Rede), vão fazer uma aliança para derrotar o atual  prefeito Alan Linhares, que vem fazendo uma péssima gestão e luta pela sua reeleição.

Veja aqui!


Oposição de Bacabeira terá dois candidatos a prefeito(A).

Segundo fontes Bira Torres e Gilvan Luna, vão lançar um grupo forte para vencer as eleições deste ano de 2016, em Bacabeira, com Bira Torres pré-candidato a prefeito e Gilvan Luna o seu vice e com o apoio de várias lideranças locais.

O prefeito Alan Linhares que se cuide porque esse grupo vem forte.

É aguarda para ver! 

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Rosário recebe oficina Trilhas e Tons de 25 a 29 de janeiro


Município é o nono a receber o projeto de formação musical, em sua segunda etapa
Distante 60 km de São Luís, Rosário, capital maranhense da cerâmica e berço do bumba meu boi sotaque de orquestra, é o próximo destino da oficina Trilhas e Tons – Teoria musical aplicada à música popular, que acontece no município entre os próximos dias 25 a 29 de janeiro, das 14h às 18h.

O músico Fran Gomes é o produtor local da formação. Rosário é a nona cidade a receber a oficina nesta segunda etapa. Serão 12 municípios percorridos. Na primeira, em 2013, foram 10 municípios visitados.

As inscrições são gratuitas e estão abertas, limitadas às 30 vagas oferecidas por município. Interessados/as em participar do curso, ministrado pelo músico Nosly, com coordenação de Wilson Zara e assistência de Mauro Izzy, podem se inscrever, das 8h às 17h, na Secretaria Municipal de Cultura de Rosário (na sede da Prefeitura, na Rua Urbano Santos, s/n) e/ou no Sesi (ao lado da Cemar, Av. Vitorino Freire, s/n) – onde acontece a oficina. Maiores informações podem ser obtidas pelo telefone (98) 99992-3984.

O conteúdo da oficina é dividido em cinco módulos, ministrados em 20 horas aula. Há certificação para os participantes que cumprirem a carga horária. A oficina Trilhas e Tons tem patrocínio da Companhia Energética do Maranhão (Cemar), através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Agora Lascou:Governador Flávio Dino vai fechar todos os hospitais de 20 leitos no Maranhão.

Governador Flávio Dino vai fazer o que sempre quis desde o início: fechar os hospitais construídos no governo Roseana Sarney, sob alegação de pouco produtivos; e a estruturas ficarão apodrecendo no interior


O hospitais iguais a este serão "descontinuados" pelo governo
Governador do Flávio Dino vai fechar os hospitais de 20 leitos e com isso vai trazer caos na saúde e a revolta de prefeitos e  da população dos interiores 

O governo Flávio Dino (PCdoB) deverá fechar, nos próximos meses, todos os hospitais de 20 leitos construídos no governo Roseana Sarney (PMDB).
A informação é do blog de Gilberto Léda, que ouviu do próprio secretário de Saúde Marcos Pacheco, o desinteresse nestas unidades de Saúde.
– Quando a gente tem escassez de recursos e grandiosidade de problemas, a gente tem que trabalhar com planejamento de prioridade. Nesse sentido, aquilo que a gente está priorizando hoje é inauguração dos hospitais regionais, porque eles são resolutivos – revelou Pacheco. 
Para Pacheco, investir nestes hospitais de 20 leitos é jogar dinheiro fora.
O governo repassa aos municípios os recursos necessários para o gerenciamento das unidades de saúde, mas os prefeitos reclamam de atraso nos repasses.
Para Pacheco, o melhor ´investir nos hospitais regionais, que, segundo ele, atendem melhor a população em várias áreas da saúde.
E os prefeitos que se virem…


Por Marco Aurélio D'Eça

Grávida tem atendimento negado na Maternidade Marly Sarney em São Luís

Desde domingo, quando já estava perdendo líquido, Juliana Mendes tentava dar à luz seu filho na unidade de saúde da Cohab; ontem, após mais uma recusa, ela teve a criança no Anjo da Guarda
Grávida de 9 meses, Juliana Mendes, de 20 anos, chegou às 8h de ontem à Maternidade Marly Sarney, na Cohab, sentindo as dores do parto. A criança nasceu saudável no início da tarde. Só que nasceu na Maternidade Nossa Senhora da Penha, no Anjo da Guarda. Isso porque os médicos que a atenderam na Marly Sarney insistiam em mandá-la de volta para casa, afirmando que não era o momento de realizar o parto.
Juliana Mendes é moradora do Parque Vitória. Estava grávida do primeiro filho e desde o domingo, dia 17, tentava atendimento na Maternidade Marly Sarney, localizada na Cohab. “No domingo, ela estava perdendo líquido. Nós a trouxemos para a maternidade, e o médico que a examinou disse que ela ainda não estava em trabalho de parto e a mandou para casa”, disse Dinar Mendes, mãe da jovem.
Ontem pela manhã, ela e a mãe voltaram à Marly Sarney. A jovem estava com dores e foi examinada por um médico, que mais uma vez a mandou voltar para casa. “Ele fez o exame de toque e disse que a dilatação dela ainda estava pequena, apenas dois centímetros, e que era para ela ir para casa e voltar quando as dores aumentassem ou ficar esperando do lado de fora da maternidade”, informou Dinar Mendes.
E foi isso que elas fizeram. Quase às 11h, a jovem andava de um lado para o outro com as mãos na cintura no estacionamento da Marly Sarney, acompanhada pela mãe. “A gente mora no Parque Vitória. Não temos como voltar para casa. Vamos esperar aqui até ela ser atendida novamente. É nossa única opção”, disse a mãe de Juliana Mendes.
Segundo Dinar Mendes, o atendimento na maternidade está precário. O Estado tentou falar com outras gestantes e seus familiares, mas foi impedido pela segurança da maternidade, que, a mando da direção, disse que o acesso, ainda que apenas ao estacionamento da Marly Sarney, só era permitido a pessoas autorizadas previamente.
Por volta das 15h30 de ontem, Dinar Mendes informou por telefone que a filha havia dado à luz na Maternidade Nossa Senhora da Penha, situada no Anjo da Guarda. “Saímos de lá no fim da manhã e viemos buscar atendimento aqui, no Anjo da Guarda. Meu neto nasceu saudável, graças a Deus”, afirmou.

OEstado

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Bandidos assaltam agência bancária em Alcântara (MA)


Cinco homens armados com pistolas assaltaram a agência do banco Bradesco de Alcântara, a 18 km de São Luís, no início da tarde desta quarta-feira (18). Os assaltantes renderam os funcionários e levaram uma quantia do cofre que ainda não estimada pela polícia.

A agência bancária não tem porta giratória equipada com sistema antifurto, que impede a entrada de pessoas portando armas de fogo. O sistema de vigilância da agência também estava inoperante. A polícia acredita que a falha no sistema de segurança era conhecida pelos bandidos.

A polícia informou que está em busca dos assaltantes, mas que até o momento não tem pistas do paradeiro deles.

G1MA

Flávio Dino anuncia corte de R$ 100 milhões em contratos

Governador se reuniu com a imprensa, na manhã desta segunda-feira, para anunciar mudanças no Governo
O governador Flávio Dino (PCdoB) acaba de anunciar que procederá a um corte de R$ 100 milhões em contratos do governo com terceirizadas e prestadoras de serviços no Maranhão. Segundo ele, as pastas da Saúde e da Educação não serão afetadas pelo corte. A informação foi repassada em entrevista coletiva para a imprensa, realizada na manhã desta segunda-feira (18), no Palácio dos Leões.
Além disso, Flávio Dino também informou que efetuará contigenciamento de 30% no orçamento do custeio da máquina administrativa. O governador também confirmou que fará a fusão das secretarias de Estado da Cultura e do Turismo. A pasta terá como secretário Diego Galdino, atual secretário adjunto da Secretaria de Estado da Cultura (Secma). Flávio Dino não informou qual será o destino da atual secretária de Turismo, Delma Andrade. 


OEstado

Quatro detentos fogem pela tubulação de esgoto do Complexo Penitenciário de Pedrinhas

Na noite do último domingo (17), por volta das 19h30, quatro detentos fugiram do Complexo Penitenciário de Pedrinhas. De acordo com informações da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Sejap), eles teriam escapado pela tubulação da rede de esgoto da unidade prisional.

Os presos foram identificados como Carlos Alberto Mesquita dos Santos, Joaquim Neto Alves Leal, Carlos Jorge Ferreira e Sebastião Soares da Silva. As circunstâncias da fuga ainda são desconhecidas.

Oposição de Bacabeira terá dois candidatos a prefeito(A).

A pré-candidata a prefeita de Bacabeira Fernanda terá Olga Calvet como sua vice.
O grupo de oposição da cidade  de Bacabeira, terá dois candidatos a prefeito(A), nas eleições municipais deste ano de 2016, para derrotar o atual prefeito Alan Linhares (PCdoB) que luta pela sua reeleição mais não vem fazendo uma boa gestão e vem sendo muito criticado pela população da cidade de Bacabeira.

Primeira frente de oposição

O ex- prefeito de Bacabeira, e  ex-deputado Reinaldo Calvet, terá a sua esposa Olga Calvet (PMB) como vice, da pré-candidata a prefeita Fernanda Gonçalo (PMN), que é esposa do ex-prefeito de Santa Rita, o médico Dr.Hilton Gonçalo. O ex-vereador Jefferson Calvet, será candidato a vereador e administrador da campanha de Fernanda Gonçalo segundo fontes.

Segunda frente de oposição

O pré-candidato a prefeito de Bacabeira Bira Torres e seu vice Gilvan Luna 

A outra frente de oposição vem com Bira Torres (PP), como pré-candidato a prefeito  de Bacabeira e o empresário Gilvan Luna (Rede), como o seu vice, dois fortes candidatos.

A vida do atual prefeito de Bacabeira Alan Linhares, que luta pela sua reeleição não vai ser nada fácil nestas eleições municipais deste ano de 2016, com essas duas frentes de oposição, Alan Linhares, vai ter que fazer mágica para vencer.

É aguardar para ver...



domingo, 17 de janeiro de 2016

Jovem morre após pegar ''carona'' pendurado em porta de ônibus em São Luís



Um homem morreu após cair de ônibus depois de tentar 'surfar' na porta do veículo na Avenida Colares Moreira, em São Luís. A vítima, identificada como Ivonaldo Rodrigues, de 23 anos, morreu no local. Motorista do veiculo fugiu do local após população tentar linchá-lo.

Segundo testemunhas, Ivonaldo era guardador de carros no bairro Renascença e teria se desequilibrado do coletivo, que faz a linha ‘Altos do Calhau’, depois de bater a cabeça em um poste.

O motorista do coletivo chegou a parar para prestar socorro ao guardador de carros, mas acabou fugindo depois que algumas pessoas começaram a apredejar o veículo.

A Polícia Militar foi acionada e impediu que o veículo fosse destruído. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e constatou que o jovem não resistiu aos graves ferimentos e morreu no local. O corpo foi retirado do local pelo Instituto Médico Legal (IML).
Os familiares da vítima não quiseram se pronunciar sobre o acidente, mas disseram que o motorista causou o acidente de propósito. O “surf” é uma prática comum em diferentes bairros da capital maranhense, segundo afirmou o tenente Reinaldo do 8º Batalhão da Polícia Militar do Maranhão.

Do G1MA

“Traidor”, diz professor a Flávio Dino na posse de diretores de escolas

Governador Flávio Dino foi chamado de traido por um professor do Centro de Ensino Dr. Bacelar Portela.
Um professor do Centro de Ensino Dr. Bacelar Portela, em São Luís, causou grande constrangimento ao governador Flávio Dino (PCdoB), durante a posse dos novos gestores da rede estadual de ensino.
A solenidade ocorreu no Palácio Henrique de La Rocque, na sexta-feira (15).
Antes de o comunista começar a discursar, o professor levantou e começou a gritar.
“Tu é um traidor”, disse. Ele foi vaiado, mas continuou.
“Eles vão fazer que nem Roseana Sarney. Eles estão enganando Flávio Dino. Esse é um homem bom, de caráter. Mas eles estão enganando. Esses teus asseclas não sabem… Tu não sabe, mas tu está sendo roubado”, completou (veja no vídeo).
Na sequência, o manifestante foi levado para fora do auditório, mas ainda desafiou o governador.
“Eu desafio você a visitar o Bacelar Portela. Vá visitar nossa escola”, pediu.
Dino empossou 468 gestores da rede estadual de ensino. O governo anuncia que, com a medida, pôs “fim às indicações políticas”, embora haja diversos relatos Maranhão adentro de que houve burla ao processo, para que fossem indicados diretores ligados aos comunistas.


Do Blog do Gilberto Léda

sábado, 16 de janeiro de 2016

Dois assaltantes de banco em Icatu morrem durante confronto com a policia

Na tarde desse sábado (16), dois homens morreram em confronto com a polícia na cidade de Icatu. Eles são suspeitos de cometer o assalto a agência do Bradesco cometido na ultima terça-feira (12) no município.


Os assaltantes foram localizados em uma área de mata na zona rural de Icatu. Além dos mortos, mais quatro pessoas foram presas por participação no crime. Uma pistola e uma metralhadora foram apreendidas.

De acordo com um dos delegados que investigam o caso, outras pessoas ainda podem ser presas.


Prefeitura de Santa Rita distribui 300 Kg de peixe a famílias carente do município

A ação realizada pela prefeitura de Santa Rita, através da secretária municipal de assistência social, visa suprir a necessidade de famílias em situação de vulnerabilidade social.



O produto foi adquirido através do P.A (programa de aquisição de alimentos) onde consta 83 produtores locais cadastrados. 

Na oportunidade foram distribuídos 300 kg de peixes já limpos, No último dia (14). A triagem dos beneficiados foi feita no bairro Bahia e adjacência. 


De acordo com a secretária de desenvolvimento social em exercício, Tatiana Dias o foco é trabalhar todos os locais onde concentra grande numero de pessoas carentes. O próximo a ser entregue o pescado será o bairro Gonçalo. 


Ivonete Daiane dias, moradora da rua Principal do bairro Bahia se mostrou feliz, pois os 04 kg de peixe do tipo tambaqui que levou para casa irá garantir o almoço da família de 08 filhos. 


O prefeito Tim Ribeiro enfatiza que a política de desenvolvimento implementada pela gestão tem possibilitado a aquisição de produtos do próprio lugar, o que colabora para o crescimento do município. 


 “Ao adquirirmos parte da produção advinda dos próprios produtores de Santa Rita além de incentivarmos a geração de emprego, colaboramos para o desenvolvimento do setor produtivo de base familiar e permitimos a boa circulação de dinheiro no município”, destaca.


Por Antonio Carlos

Oposição condena declaração de Portela sobre bancos

Andrea Murad,Edilázio e Adriano Sarney criticam o secretário.
Deputados da bancada oposicionista na Assembleia Legislativa reagiram ontem, em contato com O Estado, à entrevista do secretario de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela, que na quinta-feira, 14, disse não estar preocupado com a onda de assaltos a bancos no Maranhão.

Só em 2016 já foram sete ocorrências do gênero no estado. Praticamente uma a cada dois dias.

Os deputados Adriano Sarney (PV), Andrea Murad (PMDB) e Edilázio Júnior (PV) teceram duras críticas aos argumentos do titular da SSP, aos quais classificaram de “pouco caso”.

Eles relacionaram o caso à recente denúncia de setores ligados aos direitos humanos, segundo as quais a paz em Pedrinhas – que faria parte de um acordo do governo com as facções – tem dado aos criminosos a tranquilidade necessária para planejar ações fora dos presídios.

“O aumento comprovado destas explosões e o pouco caso do governo, como demonstrado pelo secretário, corroboram com a denúncia das entidades de direitos humanos que atuam em Pedrinhas de que o aumento da criminalidade faz parte de um perigoso acordo. Pedrinhas não aparece mais em rede nacional e as facções ganham vista grossa do governo para se fortalecerem”, relatou Adriano Sarney.

O deputado Edilázio Júnior fez um paralelo entre a diminuição das ocorrências em Pedrinhas e a escalada da violência no restante do estado. Ele condenou o que considera falta de “atitude firme” do Estado.

“Os criminosos dentro do Complexo de Pedrinhas são os mesmos do governo passado. As rebeliões cessaram, em compensação aumentaram, e muito, as explosões de caixas eletrônicos no Maranhão, e sem nenhuma atitude firme do governo. Pelo contrário o secretário de segurança fazendo pouco caso”, comentou.

Saída
Em sua manifestação sobre o assunto, a deputada Andrea Murad chegou a questionar a capacidade de Portela para permanecer no cargo. “O secretário Jefferson Portela demonstrou mais uma vez que não tem condições de continuar no cargo”, disse.

Ela condenou as declarações do comandante do Sistema de Segurança Pública do Maranhão, a quem chamou de “frio e irresponsável”.

“Não é compatível com a responsabilidade de um secretário de segurança se mostrar tão frio, irresponsável e sem qualquer estratégia de ação, mesmo após um ano frente à secretaria. Enquanto isso, o Maranhão está submetido a uma escalada de assaltos, explosões e sequestros de pessoas que está colocando em pânico cidades inteiras por todo o Maranhão. Uma declaração como essa só aumentará o medo e o pavor que hoje já é enorme. Esse é o governo dos inconsequentes”, frisou.

Secretário disse em entrevista que assaltos não o preocupam

A declaração do secretario Jefferson Portela sobre a pouca preocupação com os assaltos a bancos no interior do estado foi dada em entrevista ao programa Ponto Final, apresentado pelo jornalista Roberto Fernandes, na Rádio Mirante AM.

As explosões a bancos supostamente financiam as facções criminosas”Adriano Sarney, deputado estadual

Na ocasião, quando questionado sobre o assunto pelo apresentador, ele disse que esse é “um problema nacional, mas que nem me preocupa” e apresentou informações sobre a criminalidade em outros estados.

“É um problema nacional, mas nem me preocupa. Temos uma violência extrema na Bahia, na fronteira do Piauí com o lado de lá do Estado. Estive reunido com o comandante da Polícia Militar do Piauí e com o secretário de Segurança do Piauí e eles narraram essa vinda de lá para cá. Eles já estão preocupados de fazer essa contenção do meio do Estado para lá. É muita explosão de banco descendo para cá”, afirmou.

O posicionamento do titular da SSP causou ainda mais repercussão porque foi externado na mesma semana em que bandidos explodiram duas agências bancárias no Maranhão: uma em Grajaú e outra em Icatu.

OEstado

Câmara de São Luís rejeita pedido de impeachment contra Prefeito

A Câmara Municipal de São Luís rejeitou, na manhã desta segunda-feira (20/05), um pedido para abertura de processo de impeachment contra ...