sexta-feira, 4 de julho de 2014

Flávio Dino registra candidatura.



O candidato a governador do estado pelo Partido do Maranhão – que reúne o PCdoB, PSB, PTC, PPS, PDT, PSDB, PP, PROS e Solidariedade, com apoio da Militância Petista, Flávio Dino ressaltou que utilizará o período da campanha para mostrar que outro Maranhão é possível. A defesa de uma política voltada para o benefício de todos os maranhenses foi dada nesta quinta-feira (03), durante registro da candidatura no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA).
“É possível um Maranhão de todos nós. Vamos mostrar que temos propostas honestas capazes de efetivamente melhorar a vida das pessoas”, disse Flávio Dino. A confiança no momento político que o estado atravessa, com a população pedindo oportunidade e qualidade de vida, foi sentida durante o movimento Diálogos pelo Maranhão, que percorreu mais de 120 cidades e reuniu cerca de 40 mil pessoas, discutindo ideias e propostas.
Para Flávio Dino, a expectativa é a melhor possível pela confiança e contribuição da população no Programa de Governo apresentado por ele. “Fizemos um grande movimento na pré-campanha. Nós temos um Programa de Governo de grande qualidade e tivemos uma convenção que reuniu 10 mil pessoas de todo o Maranhão. Todos que vieram, saíram com ânimo mais fortalecido para levar nossa mensagem a todas as regiões do nosso estado”, acredita.
Com registro de candidato a vice-governador do estado, Carlos Brandão destacou a força do momento que marca o pedido da população à alternância de poder no estado, com representação de todo o estado e o sentimento de mudança. “Todos os partidos estão unidos e dão a procuração para Flávio Dino fazer a verdadeira mudança que o Maranhão precisa. Flávio está preparado, é competente e tem vontade, e nós estamos ao seu lado para colaborar com o projeto”, reforçou.
Com a união de nove partidos e o apoio da militância petista, a motivação do Partido do Maranhão é de virada da página da miséria, atraso e pobreza para trazer dias melhores para os maranhenses. “É isso que a gente precisa: fé e esperança. Hoje temos, acima de tudo, a vontade política do povo, que é a mudança do Maranhão inteiro. Vamos cair em campo, continuar visitando os municípios e pedir para que o povo ingresse nesse projeto que, com certeza, vamos dar virada nesse estado, não tenho dúvida”, continuou Brandão.
Para primeiro suplente do Senado Federal, foi registrado o nome de Pinto da Itamaraty (PSDB) e Paulo Matos (PPS) como segundo suplente. Foram protocoladas 65 propostas de desenvolvimento com justiça social.
Campanha limpa
Liderando as pesquisas de intenção de voto com a média de 30 pontos, o oposicionista Flávio Dino prega uma campanha limpa no Maranhão, voltada para o que realmente importa para a população: propostas de desenvolvimento para o estado com justiça social. Ele, que tem sido vítima de constantes ataques da mídia ligada ao grupo Sarney, lamenta essa conduta irresponsável e defende a campanha voltada para o debate de ideias e propostas para o estado. “O sentimento que trazemos é de construir um estado mais justo para os maranhenses. Esse é o motivo da nossa luta e o que nos inspira a cada dia”, defendeu Flávio Dino.

O candidato Roberto Rocha declarou que a campanha será como a pré-campanha: limpa. “Será uma campanha de mobilização do estado todo.Dialogando com pessoas, fazendo com que as pessoas se sintam integradas ao projeto de mudança para o Maranhão.  Vamos trabalhar para o Maranhão ter uma representação no Senado”, afirmou ele.
Durante o ato, estavam presentes o prefeito de Timon, Luciano Leitoa (PSB); o vereador Roberto Rocha Júnior(PSB); o deputado estadual Marcelo Tavares (PSb); o pastor Porto, vice-prefeito de imperatriz e candidato a deputado federal pelo PPS; deputado federal e candidato a reeleição pelo Solidariedade, Simplício Araújo; Julio Pinheiro, candidato a deputado estadual (PCdoB); Marco Aurélio, vereador de Imperatriz e candidato a deputado estadual pelo PCdoB; Márcio Jerry, presidente estadual do PCdoB; Waldir Maranhão, deputado federal e candidato a reeleição pelo PP; e outras autoridades e lideranças.

Nenhum comentário:

Em Rosário, Posto de Saúde e estrada de Salva Terra abandonados pela gestão da Tia prefeita de Jonas Magno.

O povoado de Salva Terra está abandonado pela gestão Irlahi Moraes que está desesperada querendo botar o sobrinho no poder para continuar o ...