segunda-feira, 22 de julho de 2013

Prefeitura de Rosário, não cumpre a Lei Complementar 131, conhecida como Lei do Portal da Transparência.

São 207 municípios, cujas informações sobre a execução orçamentária e financeira da administração ainda não estão sendo disponibilizadas em tempo real
Este ano, a regra passou a valer para os municípios com até 50 mil habitantes. São 196 cidades com esse perfil populacional e nenhuma cumpre a Lei Complementar 131. Entre as prefeituras que não cumprem a regra estão, Raposa, Pedreiras, Santa Helena, Tuntum, Buriti e Morros, além de Zé Doca, Viana, Vargem Grande, Coelho Neto, Lago da Pedra, Presidente Dutra, Araioses, São Bento e Rosário.
Segundo a procuradora do Ministério Público de Contas, Flávia Gonzalez Leite, a maioria desses municípios não tem site e as prefeituras que possuem portal da cidade não disponibiliza o link da Transparência. "A maioria não tem site e os que têm não alimentam [o Portal da Transparência] com informações em tempo real", declarou a procuradora.
Em Pedreiras, por exemplo, o secretário de Administração, Patrício Oliveira, assim como Ribamar Alves, alega problemas com a conexão de internet. Segundo ele, 40% das informações da gestão do prefeito Francisco Antônio da Silva, o Tontonho Chicote (PRB), estão disponíveis.
"Os outros 60% das informações estamos com dificuldade de atualização devido a problema técnico. São arquivos pesados que não conseguimos concluir o carregamento porque cai a conexão", afirmou o secretário.
Ainda segundo Patrício Oliveira, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) será informado sobre os problemas técnicos que dificultam a atualização do Portal da Transparência de Pedreiras. "Na próxima semana, vamos enviar comunicado ao TCE informando dos nossos problemas com a conexão da internet", disse o gestor.
Atualização - No site da prefeitura de Coelho Neto existe o Portal da Transparência, mas não há atualizações recentes e as informações não estão detalhadas. O prefeito Soliney Silva (PSD) se mostrou surpreso ao saber que seu município consta na lista do MPC como irregular. Segundo ele, o Portal da Transparência de Coelho Neto estava funcionando normalmente e sendo abastecido com regularidade.
"Verificarei junto aos meus auxiliares qual o problema porque, até onde tinha conhecimento, o portal funciona normalmente", afirmou o prefeito.
Na cidade de Raposa, a situação é pior. A Prefeitura não tem disponível nenhum site da administração. No endereço eletrônico de Raposa aparece apenas a mensagem avisando que "em breve portal da Prefeitura Municipal de Raposa".
O Estado entrou em contato com o prefeito Clodomir de Oliveira (PRTB), mas não obteve resposta.

Municípios terão 60 dias para cumprimento da lei

O Ministério Público de Contas com esse levantamento fará uma recomendação aos municípios irregulares estabelecendo um prazo de 60 dias para que a Lei do Portal da Transparência seja cumprida corretamente. Segundo a procuradora de contas, Flávia Gonzalez Leite, esse será o último prazo para que os gestores se ajustem à regra.
Em agosto, deveremos comunicar aos prefeitos a recomendação do MPC. A partir daí, eles terão 60 dias para cumprirem a regra, caso contrário, sofrerão as sanções previstas na lei", afirmou Flávia Gonzalez.
Caso a recomendação do MPC não seja cumprida, os municípios que continuarem em situação irregular serão colocados como inadimplentes e automaticamente ficam impossibilitados de receber repasses voluntários tanto do Governo do Estado quanto da União.
Além disso, o MPC deverá iniciar o monitoramento periódico dos municípios. A cada seis meses, os municípios serão fiscalizados sobre o cumprimento da Lei Complementar 131.

Regulares

Municípios que cumprem a Lei do Portal da Transparência
São Luís
Imperatriz
São José de Ribamar
Timon
Caxias
Codó
Paço do Lumiar
Açailândia
Grajaú
Coroatá

Números

207 municípios não cumprem a Lei do Portal da Transparência
196 cidades com até 50 mil habitantes não estão cumprindo a Lei Complementar 131
8 dos 9 municípios com mais de 100 mil habitantes cumprem a regra
10 prefeituras cumprem corretamente a Lei da Transparência

Por O Estado do Maranhão e blog do Anônimo de Rosário

2 comentários:

Anônimo disse...

Sabia que Rosário vai ficar sem receber verbas por causa disso ? muita safadeza depois reclama de bimba ta fazendo mesma merda!

Anônimo disse...

tem ununcio de emprego no blog dela os curriculos e selecionado por ana rita aragão ela olha a foto diz esse não votou voces vão para o quinto do inferno

Grupo de Wennder Rocha vai com Eduardo Braide 19

Wennder Rocha mostra força vai de Braide 19 com seu grupo O irmão do Senador Weverton Rocha , o candidato a vereador Wennder Rocha (PDT ) vê...