quinta-feira, 25 de julho de 2013

Prefeitura promove demissões em massa em Santa Rita

Segundo informações, as demissões atingem pelo menos 500 servidores


Uma demissão em massa autorizada pela Prefeitura de Santa Rita, localizada a 70 quilômetros de São Luís, trouxe indignação para trabalhadores deste município, que aumentou em mais de cinco centena o número de desempregados. Nada menos que 500 servidores públicos municipais estão impedidos de continuar trabalhando. Pegos de surpresa, órgãos públicos como postos de saúde e escolas estão sofrendo as consequências da redução do número de servidores.

Com o grande corte no número de servidores, os funcionários que restaram reclamam da sobrecarga de trabalho. Em algumas escolas, segundo apurou a reportagem, professores tiveram que fazer a merenda dos alunos porque cozinheiras foram demitidas.

Um fato que mais está revoltando os ex-servidores municipais é a contratação temporária de novatos - a maior parte familiares do prefeito - para as mesmas funções que ficaram em aberto após a demissão em massa.

A auxiliar de serviços gerais que pediu para não ser identificada, reclama que foi demitida sob a alegação de que a Prefeitura não tinha como pagar seu salário para trabalhar de segunda a sexta. Mesmo assim, soube que foi substituída.

As pessoas demitidas recebiam até um salário mínimo e não tinham outra renda. As demissões na Prefeitura atingem o comércio de Santa Rita.

A reportagem da Folha Maranhão tentou ouvir o prefeito Tim Ribeiro (PRB), mas ele não foi localizado para comentar as denúncias dos demetidos.

Por Folha Maranhão

Nenhum comentário:

Grupo de Wennder Rocha vai com Eduardo Braide 19

Wennder Rocha mostra força vai de Braide 19 com seu grupo O irmão do Senador Weverton Rocha , o candidato a vereador Wennder Rocha (PDT ) vê...