quinta-feira, 7 de julho de 2016

Duplicação da rodovia BR-135 é retomada

Operários trabalhando em ritmo acelerado na duplicação da BR-135
Foi necessária a morte de oito pessoas em um trágico acidente registrado no domingo, dia 3, no Campo de Perizes, para que a obra de duplicação da BR-135, no trecho entre São Luís e o município de Bacabeira, fosse retomada em ritmo acelerado. Na manhã de ontem, máquinas e operários trabalhavam na terraplanagem, para a posterior colocação das colunas de brita e asfalto.


A obra de duplicação começou em 2012 e vem se arrastando ao longo de quatro anos. A previsão inicial era de que as atividades fossem concluídas em 2014, mas o prazo não foi cumprido, assim como diversos outros estabelecidos posteriormente. A previsão agora é de que os serviços estejam prontos em abril de 2017.

Há meses não havia nenhum si­nal de operários e máquinas no canteiro de obras da duplicação da rodovia federal. Muitas autoridades e políticos denunciaram o abandono da obra, mas a superintendência regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), órgão responsável pela execução dos serviços informou que a obra não estava paralisada, mas que o cronograma de execução havia sofrido atrasos por causa de limitações orçamentárias.

Contudo, foi preciso acontecer um grave acidente com oito mortes no Campo de Perizes, trecho esse que mais necessita ser duplicado, para que os serviços fossem retomados e com celeridade. On­tem, nas proximidades do Km-32, bem próximo de onde foi registrado o acidente do domingo, as máquinas e operários estavam na pista trabalhando para a duplicação da via federal.

Situação semelhante aconteceu em março deste ano, com o assassinato da professora Ana Lúcia Duarte Silva, que foi assassinada nas proximidades do Km-15 da BR-135, em São Luís, quando diminuiu a velocidade do seu automóvel por causa da quantidade de buracos que existiam ao longo da pista. Ou seja, foi necessária a morte da professora, que ganhou uma grande repercussão na época da mesma forma como a morte das oito pessoas no domingo passado, para que fossem feitos os serviços de tapa buracos e recuperação ao longo dos trechos mais críticos da BR-135.

Etapas

De acordo com o Dnit, as obras de duplicação da rodovia federal estão concentradas, inicialmente, na construção do viaduto de acesso à cidade de Rosário no entroncamento da BR-135 com a BR-402, no município de Bacabei­ra. O órgão informou ainda que os serviços serão intensificados a partir deste mês de julho, ressaltando que o prazo de entrega é abril de 2017.

Atualmente, cerca de 80% dos serviços foram concluídos. Incluin­do todos os reajustamentos e aditivos, o Governo Federal já investiu aproximadamente R$ 370 milhões. As próximas etapas do serviço será a conclusão do viaduto na cidade de Bacabeira (que faz uso de grande volume de terra e aço constituindo a tecnologia de terra armada, necessitando de cuidados especiais na sua execução), a drenagem da pista antiga e a terraplenagem da pista nova.

Neste primeiro momento, o trecho que está sendo duplicado da BR-135 no Maranhão se estende do Estreito dos Mosquitos, logo na saída de São Luís (Km-25) até a cidade de Bacabeira (Km-51). Ainda este ano, será concluída a licitação para a duplicação do trecho até Miranda do Norte.

PROCON FISCALIZA
Fiscais do Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor do Maranhão (Procon/MA) estiveram na manhã de ontem no Campo de Perizes para acompanhar os trabalhos de duplicação da BR-135. De acordo com o presidente do órgão, Duarte Júnior, embora não se trate de uma relação de consumo que caberia a interferência direta do Procon, a situação da BR-135 impacta diretamente a vida dos consumidores.

Na segunda-feira, dia 4, Procon/MA oficiou o Ministério Público Federal (MPF) - a quem compete fiscalizar omissões administrativas no âmbito federa - a fim de que cobre do DNIT a conclusão imediata das obras
da BR-135.

Nenhum comentário:

A resposta é trabalho, Rosário terá uma unidade fixa do VIVA/PROCON.

Mais de 100 pessoas foram atendidas, somente neste primeiro dia, terça-feira (27), para  Serviços, como emissão de RG (1ª e 2ª vias), CPF, o...