sexta-feira, 28 de abril de 2017

CUT ameaça lojistas em SLZ: “se não fechar, nós vamos entrar”


Membros da Central Única dos Trabalhadores (CUT) foram flagrados hoje (28) ameaçando lojistas da Rua Grande.
Em greve contra as reformas que estão sendo votadas em Brasília – a trabalhista já passou na Câmara -, um grupo desses trabalhadores se reuniu na Rua Grande, centro da capital maranhense.
Um deles sugere que pode haver depredação caso as lojas fossem abertas.
“Nós não vamos nos responsabilizar por qualquer coisa que vier a acontecer nesse estabelecimento comercial. E a gente pede, com todo carinho, com todo amor, para fechar o estabelecimento comercial. porque liberar um dia o trabalhador você não tem perda grande, perda grande será se o pessoal invadir e levar tudo que tem dentro”, diz um homem ao microfone. E completa: “Se não fechar, nós vamos entrar”
Em outro momento, uma mulher adverte: “Nós vamos voltar”, sugerindo que eles farão fiscalização para saber quem efetivamente manteve lojas fechadas.
Vejas nos vídeos abaixo.

Nenhum comentário:

Flávio Dino prorroga medidas sanitárias e diz que uso de máscaras continua obrigatório no Maranhão

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), anunciou, em coletiva nesta sexta-feira (11), a prorrogação das medidas sanitárias no estado ...