quarta-feira, 10 de julho de 2024

Casal suspeito de mandar matar o empresário Pacovan é preso em São Luís

 


A Superintendência de Homicídio e Proteção à Pessoa (SHPP) prendeu, na tarde desta quarta-feira, 10, em um hotel na Avenida Litorânea, em São Luís, o madeireiro Francisco Heydyne do Nascimento, conhecido como “Cearense”, e sua namorada Fernanda Costa, acusados de envolvimento na morte do empresário Josival Cavalcante da Silva, o Pacovan, executado a tiros no dia 14 de junho passado, no interior do posto Joyce (antigo Cavalo de Aço), no município de Zé Doca relembren o caso .

O casal foi preso após mandados de prisão expedidos pelo juiz Marcelo Moraes Rego de Sousa, da 1 Vara de Zé Doca, como consequência das investigações da Delegacia Geral de Polícia Civil, ainda sob o comando do delegado Jair Paiva, por meio da SHPP e do Serviço de Inteligência da PC.

O suspeito, “Cearense” ficou de ser apresentado ontem por sua advogada para prestar depoimento a respeito das acusações que pesam contra ele. No entanto, a prisão do casal foi decretada e os dois acabaram sendo presos hoje.



Nenhum comentário:

DataIlha aponta vitória de Braide no primeiro turno em São Luís

O Instituto DataIlha, divulgou, nesta segunda-feira (22), pesquisa eleitoral na disputa pela Prefeitura de São Luís. O detalhe foi a inclusã...