quarta-feira, 14 de março de 2012

César Pires cobra ações conjuntas para reduzir acidentes na BR-135


Deputado estadual César Pires, do DEM
“Até quando nós vamos continuar assistindo, inertes, impotentes e sem ação por parte do governo federal, mortes de toda ordem?” Essa foi a indagação do líder do governo na Assembleia, deputado César Pires (DEM), ao denunciar, mais vez, o descaso do governo federal com relação à execução das obras de duplicação da BR-135, onde, todos os anos, centenas de vidas são ceifadas em acidentes de trânsito.

O deputado lamentou que o Maranhão não receba do governo federal a atenção devida, uma vez que, em outras regiões do Nordeste, o mesmo governo federal tem mostrado outra disposição, realizando, principalmente, a duplicação de suas BRs.

Em meio à inércia do poder competente, o parlamentar apelou à Policia Rodoviária Federal, para que desenvolva ações no sentido de reduzir o número de mortes nas estradas maranhenses, principalmente na BR-135, no trecho entre Campo de Perizes e Bacabeira, “colocando algum de tipo de atividade, algum aparato policial, algum instrumento que possa diminuir estas situações”. César Pires advertiu que com o início do período chuvoso o problema tende a se agravar.

Apesar do apelo, César Pires disse que a PRF atua com competência, mas ressaltou que as ações para reduzir o número de acidentes e mortes nas rodovias precisam ser permanentes e não podem ficar restritas apenas a períodos como Carnaval, Semana Santa e festividades de final de ano.

“Deveria ter um carro permanente, evitando ultrapassagens perigosas no período de 6h às 18h. Deveria ter, nos períodos de rush, entre 6h e 10h da manhã, um policiamento, aparato policial permanente em dois trechos, e não policiais lanchando como eu vejo lá no Campo de Perizes. Precisamos um processo de fiscalização mais rigoroso”, sugeriu.

Para o deputado, é preciso uma ação conjunta das Polícias Rodoviária Federal e Militar. “Ou então vamos ficar aqui falando, e mortes e mortes, e vidas e vidas sendo ceifadas, como nós assistimos todos os dias”, disse.

Outro problema grave apontado pelo deputado é a falta de sinalização na BR-135, o que aumenta o risco de acidentes. Segundo César Pires, o órgão responsável, o DNIT, nada faz para resolver o problema, e as mortes se acumulam.

Nenhum comentário:

Pintor morre após sofrer descarga elétrica e cair de andaime durante trabalho em Bacabeira

Um acidente de trabalho registrado na manhã desta quarta-feira, 24, vitimou um homem identificado por Marcos Reis, no município de Bacabeira...