quinta-feira, 31 de maio de 2012

Usuários do Sine reclamam de vagas ocupadas por forasteiros

Conforme as denúncias, os cargos com os altos salários, são indicados para amigos de servidores.

Bacabeira-MA: Usuários do Sistema Nacional de Emprego (Sine) de Bacabeira, enviaram e-mail para a redação da Folha Maranhão reclamando que as vagas de empregos que estão sendo oferecidas pelo órgão, estão sendo ocupadas por ‘forasteiros' que não possuem residência fixa na cidade, nem na região.

Conforme as denúncias, os cargos com os altos salários, são indicados para amigos de servidores do órgão que residem em São Luis, sendo que os bacabeirenses ficam apenas com as piores vagas de emprego, como se os munícipes fossem peões.

A Agência de Trabalho do Sine é responsável de realizar o atendimento a trabalhadores e empregadores da região do Munim e ainda de atender à demanda de contratações no município decorrente dos empreendimentos que estão se instalando na área - dentre as quais destacam-se a refinaria da Petrobrás e a fábrica de dormentes ferroviários.

A implantação da Agência de Trabalho do Sine em Bacabeira partiu de uma parceria estabelecida entre a Secretaria de Trabalho e Economia Solidária (SETRES), a Prefeitura Municipal de Bacabeira e o Consórcio GSF, responsável pelas obras iniciais da refinaria Premium I.

Como quem fez a denúncia pediu sigilo, a redação da Folha Maranhão resolveu levar os fatos ao conhecimento do secretário de Trabalho e Economia Solidária, José Antônio Heluy, para que o mesmo tome as devidas providências.

VEJA A DENÚNCIA ENVIADA AO BLOG


Fonte: Folha Maranhão

Nenhum comentário:

Kellyane denuncia descaso e abandono da U.E. Pe. Possidônio Monteiro em Bacabeira.

Mais uma denúncia, mais um descaso por parte da gestora Fernanda Gonçalo do Município de Bacabeira. A Vereadora Kellyane,  esteve nesta m...