sábado, 8 de outubro de 2022

PSD do MA também questiona cálculo de vagas para AL


Depois de dois partidos MDB e PSB questionarem o cálculo que definiu a distribuição de vagas no pleito para a eleição de deputados federais no Maranhão, agora o debate também será travado sobre as vagas para deputados estaduais.

O PSD, presidido no Maranhão pelo deputado federal Edilázio Júnior, decidiu também ingressar com uma ação no Tribunal Regional Eleitoral, agora questionando o cálculo que definiu a distribuição de vagas para a Assembleia Legislativa.

Na ação, o PSD segue o mesmo entendimento do MDB e PSB, alega que houve um erro na “na distribuição das vagas destinadas para as sobras”. Para esses partidos, as legendas que não conseguiram alcançar o quociente para eleger um deputado estadual, algo em torno de 85 mil votos, não poderiam entrar na disputa para pleitear a eleição de um candidato pela sobra, pelo menos num primeiro momento.

Entre os deputados estaduais eleitos, dois perderiam o mandato, Neto Evangelista e Juscelino Marreca, uma vez que os partidos União Brasil e Patriota, respectivamente, não alcançaram o quociente eleitoral. Um dos beneficiados com um novo cálculo para a distribuição de vagas seria o deputado estadual César Pires do PSD, que alcançou quase 36 mil votos.

É aguardar e conferir, afinal o TRE-MA precisará se posicionar, de preferência, o mais rápido possível, até porque o assunto deve parar no Tribunal Superior Eleitoral.

Jorge Aragão

Nenhum comentário:

Lula anuncia corredor de transporte público na Avenida Litorânea e outros grandes investimentos para o Maranhão

Com estrutura montada na Avenida Litorânea, o governador Carlos Brandão e o presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciaram, nesta sexta-fei...