segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Flávio Dino anuncia corte de 30% no orçamento da PM e os PMs ameaçam deixar as ruas


Na semana passada, durante a formatura dos policiais militares, no Comando Geral da PM, o coronel Marco Antonio Alves assustou a tropa com a informação de que “tempos ruins virão” à polícia maranhense.
Na semana passada, durante a formatura dos policiais militares, no Comando Geral da PM, o coronel Marco Antonio Alves assustou a tropa com a informação de que “tempos ruins virão” à polícia maranhense. Um dos policiais presentes ao que os PMs chamam de “bom dia” – uma espécie de reunião antes do início do dia de trabalho - resolveu gravar a conversa e distribuiu o áudio nos grupos formados nestes aplicativos de troca de mensagem.

O áudio chegou à imprensa e o que se ouve é a definição de um caos anunciado. Segundo o oficial que gravou o áudio aos colegas o governo já anunciou cortes de 30% no orçamento da PM. E ele vê ameaça até no salário dos policiais, a exemplo de outros estados, como Rio Grande do Sul e Sergipe.

O governo Flávio Dino (PCdoB) não negou nem confirmou a possibilidade de cortes, mas o subcomandante Raimundo Sá foi substituído exatamente no mesmo dia em que o áudio com as revelações sobre o futuro da PM começou a circular.
Já no final da semana passada o governo negou oficialmente a possibilidade de parcelamento nos salários, como já ocorre nos estados citados acima.
A negativa do governo não acalmou os ânimos na tropa e novas mensagens de celular passaram a circular nos grupos militares. E a resposta também é de assustar. Os PMs ameaçam, inclusive, deixar de sair às ruas.
O que, na prática, significaria as ruas entregues ao crime.

Nenhum comentário:

Rosário volta a ganhar destaque com a imunização itinerante contra a Covid-19, através do Carro da Vacina.

  A prefeitura de Rosário, por meio da secretaria municipal de Saúde e governo do estado do Maranhão, realizou nesta sexta-feira (26), imuni...