sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

Aliado da prefeita Irlahi, que desviou 4 milhões dos recursos para construção do hospital Regional de Rosário será candidato a governador do Maranhão em 2018.



Prefeita de Rosário Irlahi ao lado de seu Aliado Ricardo Murad candidato ao governador do Maranhão é mole isso é para deixar qualquer rosariense revoltado

O aliado da prefeita de Rosário Irlahi Moraes, o o ex-secretário de saúde do governo Roseana Sarney,ex-  secretário Ricardo Murad,  que desviou 4 milhões dos 18 milhões  da construção do hospital Regional de Rosário, será candidato ao governo Estado do Maranhão, onde anunciou sua candidatura ao pleito de 2018, durante evento partidário do PRP nesta terça-feira (12),em São Luís, a candidatura do ex- Secretário de Saúde é para deixar qualquer rosariense de olho aberto e revoltado. 

O ex-secretário Ricardo Murad é acusado pelo atual  governo Flavio  Dino, de desviar 4 milhões dos - R$ 18,2 milhões dos recursos - para construção  do Hospital Regional de  Rosário de 50 leitos que foram financiados pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), onde foi instaurado uma   auditoria realizada por um grupo de trabalho criado pelo governo atual do Maranhão, onde foi apontado que a gestão anterior pagou por serviços não executados em um hospital ainda em início de obras no município,No local, segundo fotos divulgadas, há apenas até hoje uma área de terra, com mato e sem nenhum tijolo erguido. 
Obra nunca saiu do papel por conta do desvio de 4 milhões da obra onde Ricardo Murad desviou e nunca foi punido.


Os promotores Lindonjonson Gonçalves de Sousa (18º Promotor de Justiça de Substituição Plena Respondendo pela 28ª Promotoria de Justiça Especializada), João Leonardo Sousa Pires Leal (Promotor de Justiça Titular da 29ª Promotoria de Justiça Especializada na Defesa do Patrimônio Público e da Probidade administrativa) e Maria Cristina Lima Lobato Murilo (Promotora de Justiça da 1ª Promotoria de Justiça de Rosário/MA) acusam Ricardo Murad e outras oito pessoas, entre funcionários públicos e empresários, acusaram o desvio R$ 4,8 milhões pagos pela construção de um hospital de 50 leitos, considerado fantasma no município de Rosário e incluíram a deputada filha e o parlamentar genro por terem recebido doação eleitoral da empresa Iris Engenharia, em 2014, na mesma semana em que a empresa recebeu R$ 3,1 milhões pagos pela Secretaria de Estado da Saúde.  

Ricardo Murad é cunhado da ex-governador Roseana Sarney que também será candidata  ao governo do Estado em 2018, para quem conhece a história de  Roseana, com a cidade de Rosário, ela deixou vários trabalhadores desempregados de Rosário, da Região Metropolitana de São Luís e da Região do Munim em uma maior golpe do pólo têxtil de Rosário que nunca saiu do papel, que levantou 24 milhões de dólares de empréstimos da SUDENE junto ao BNB e enganou cerca de 4 mil homens e mulheres humildes.




 

Nenhum comentário:

TCE aponta falta de transparência no governo de Fernanda Gonçalo

Na contramão do que determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e Lei da Transparência, a gestão da prefeita Fernanda Gonçalo está c...