sábado, 30 de setembro de 2017

SES exonera 103 diretores de hospitais do Estado inclusive Barreirinhas e Paulino Neves.

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, fez uma “limpa geral” na pasta.
Na última segunda-feira (25), ele assinou portaria conjunta com o chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares, e exonerou 103 comissionados de cargos de direção em unidades hospitalares geridas pelo Governo do Estado.
Saíram 101 diretores, um chefe de instituto e um assessor especial.
Segundo Carlos Lula, todos serão absorvidos pelas empresas que administram as unidades hospitalares.
Ou seja: deixam de ser funcionários do Estado, e passam a ser terceirizados.
Além disso, a SES contratará auditores para fiscalizar o trabalho dos diretores nesses hospitais.

Nenhum comentário:

TCE aponta falta de transparência no governo de Fernanda Gonçalo

Na contramão do que determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) e Lei da Transparência, a gestão da prefeita Fernanda Gonçalo está c...