terça-feira, 16 de abril de 2013

Com força máxima, Sampaio disputa vaga com Campinense (PB) na Copa do Brasil

Depois de poupar titulares, Tricolor terá equipe principal no duelo decisivo de amanhã.
 
Por Jornal O  Estado do Maranhão
 
O Sampaio Corrêa terá a volta de Mimica (zagueiro), Arlindo Maracanã (volante), Robson Simplício (volante), Eloir (meia) e Pimentinha (atacante) no jogo contra o Campinense (PB), que será amanhã, às 20h30, no estádio Castelão, na decisão da vaga para a segunda fase da Copa do Brasil. Os cinco titulares não jogaram no empate sem gols com o Bacabal, domingo, no estádio Correão, pelo segundo turno do Campeonato Maranhense. Mimica teve de cumprir suspensão automática, enquanto Maracanã, Simplício, Eloir e Pimentinha foram poupados por causa de cansaço muscular.
 
 
O técnico Everton Goiano confirmou a escalação boliviana com a força máxima para encarar o time da Paraíba, repetindo a formação que começou a partida de ida em Campina Grande. Ou seja: Rodrigo Ramos, Denílson, Mimica, Paulo Sérgio e Deca; Robson Simplício, Arlindo Maracanã, Eloir e André Beleza; Júnior Chicão e Pimentinha. O atacante Edgar, autor do gol da vitória fora de casa e que teve boa atuação no jogo em Bacabal, ficará no banco de reservas para ser utilizado no decorrer da partida.

Reapresentação - Os jogadores do Tricolor se reapresentaram ontem à tarde, no CT José Carlos Macieira, e realizaram apenas um treino regenerativo. Para hoje, o Tricolor treina no Castelão, com portões fechados, segundo o treinador, para reconhecimento de terreno. O Sampaio não joga no castelão desde a decisão do Brasileiro da Série D do ano passado, dia 21 de outubro de 2012, quando derrotou o Crac (GO) por 2 x 0 e foi campeão.

Vitória na Paraíba quebrou tabu do Tricolor no torneio


Na vitória por 1 x 0 sobre o Campinense (PB), quarta-feira, em Campina Grande, o Sampaio Corrêa quebrou um tabu. Foi sua primeira fora de casa em 18 participações na Copa do Brasil. Foi a terceira vez que o Tricolor estreou fora dos seus domínios. Nas duas primeiras, empatou sem gols com o Ipiranga (AP), em 2004, e por 1 x 1 com o São Domingos (SE), em 2010. Nas duas vezes que não perdeu na estreia longe de sua torcida, o Sampaio se classificou no jogo de volta em São Luís.
 
O retrospecto do Sampaio fora de casa na Copa do Brasil é negativo. Realizou 15 jogos. Tem uma vitória, quatro empates e 11 derrotas. Seu ataque marcou nove gols e sua defesa sofreu 31. O déficit é de 10 derrotas e 22 gols.
 
O total de ingressos disponibilizados para venda é de 40 mil. A expectativa é de que todos sejam vendidos até horas antes da partida contra o Campinense.

 
 

Nenhum comentário:

Ciclista morre após ser atropelado na BR-402, em Rosário

Na manhã da última sexta-feira, 18, um ciclista identificado como José Aparecido Costa, morreu após ser atropelado por um carro, no km 15...