segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Morre bacharel em direito preso por agredir mãe idosa

Roberto Elísio preso ano passado por agredir a mãe de 84 anos.
Morreu na tarde desta segunda-feira (24), Roberto Elísio Coutinho, o bacharel em direito que foi gravado em cenas violentas ameaçando, torturando e agredindo física e psicologicamente a própria mãe de 84 anos de idade, em junho do ano passado.
A agressão e os maus tratos foram constatados e o acusado se encontrava preso em Pedrinhas mesmo após dizer que sofre de esquizofrenia. Ele passou mal na noite da última sexta-feira (21) e morreu hoje no inicio da tarde no Hospital Municipal Dr Clementino Moura, o Socorrão II, na Cidade Operária, em São Luís.

Nenhum comentário:

Deputado Wellington contesta informação a respeito de viatura

Na manhã desta quarta-feira (22), o deputado Wellington do Curso (PSDB) contestou documento oficial enviado pelo Governo do Estado à Asse...