domingo, 21 de fevereiro de 2016

Parte das empresas do transporte público de São Luís não pagou os rodoviários


O Sindicato vai aguardar mais 24h para que os empresários voltem atrás na decisão. Caso contrário, vão parar as atividades
O impasse entre o Sindicato dos Rodoviários do Maranhão e as empresas que atuam no transporte público de São Luís continua. Segundo o Sindicato, até o inicio da noite desse sábado (20), apenas três empresas efetuaram o pagamento dos trabalhadores: Pericumã, Matos e Pelé.

“Diante dessa situação, mais uma vez, a entidade vem a público demonstrar toda a insatisfação, em razão do descumprimento do acordo de convenção coletiva de trabalho, não disponibilizando o adiantamento de salário da categoria no dia 20, como determina uma das cláusulas do acordo em questão”, explica o presidente da entidade, Isaías Castelo Branco.

Ainda segundo o presidente, o Sindicato vai aguardar mais 24h, para que os empresários voltem atrás na decisão e efetuem o pagamento dos motoristas, cobradores e fiscais, ainda, neste domingo (21). Isaías Castelo Branco afirma que, caso as empresas não paguem os trabalhadores, a partir das primeiras horas de segunda-feira (22), os ônibus das empresas em débito com a classe não sairão das garagens, deflagrando a greve de rodoviários em São Luís.

Nenhum comentário:

Carlos Macarrão é registrado com o número 20000 candidato a vereador de Rosário

CANDIDATO A VEREADOR DE ROSÁRIO CARLOS MACARRÃO COM NÚMERO 20000 O servidor da Policia Federal e candidato a vereador Carlos Macarrão é regi...