segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Cresce 25% o total de homicídios dolosos na Ilha

Numero refere-se ao aumento ocorrido em fevereiro, em comparação a janeiro.Até fim da tarde de ontem, haviam sido registrados 69 assassinatos na Região Metropolitana este mês.
Os 28 dias de fevereiro deste ano foram 25% mais violentos em comparação com o registrado no mesmo período de janeiro. A constatação, feita por O Estado com base nos dados do Instituto Médico Legal (IML) e da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP), se refere apenas aos casos de homicídios dolosos. Além dos assassinatos, ainda de acordo com a SSP e IML, outras quatro pessoas morreram em confronto com a polícia, somente este mês.

De acordo com o levantamento, até o fechamento desta edição pelo menos 69 pessoas haviam sido assassinadas nos quatro municípios da Grande Ilha, seja por arma branca ou arma de fogo. Em contrapartida, nos 28 primeiros dias deste ano, 52 pessoas foram mortas de forma violenta. De sexta-feira, 26, até o início da tarde de ontem, nove corpos deram entrada no IML vítimas da violência, além de um morto em confronto com a polícia.

Informações

O IML confirmou apenas a O Estado, alegando restrição nas informações por motivos de força maior que, deste total, sete foram mortas por arma de fogo, outros dois por arma branca. Por arma de fogo, deram entrada os seguintes corpos: Claudiomar Serra Ferreira, de 39 anos, morto após reagir a assalto, no início da tarde de ontem no Itapera, zona rural de São Luís; Rafael Alves da Rocha, de 20 anos de idade; Jailton Costa, de 36 anos; Diego André Costa Pires, de 25 anos, morto com pelo menos 10 tiros em sua residência, na travessa Nossa Senhora de Fátima, na Vila Janaína; e Pedro Alves da Costa, morto na rua São José, na Vila Esperança, na noite de sábado, 27.
Ainda foram mortas por arma de fogo as seguintes vítimas: Leonardo Borges Gomes, de 31 anos, procedente do bairro Vicente Fialho. Segundo informações preliminares da polícia, a vítima seguia em via pública, por volta da 0h30 de sábado, 27, quando homens se aproximaram da mesma e desferiram tiros, fugindo em seguida. Até agora, não há informações sobre os autores do crime. Por fim, a sétima vítima de arma de fogo, somente este fim de semana na Região Metropolitana, foi Edimilson Costa Serra, de 52 anos, no Parque Jair na sexta-feira, 26.
Uma mulher ainda sem identificação, de acordo com informações do IML, foi morta por arma branca e o corpo da vítima foi removido no bairro Diamante, na madrugada de ontem. Outra vítima de arma branca, neste fim de semana, foi um homem que também permanecia até ontem sem identificação e cujo corpo foi proveniente da Vila São José.

De OEstado

Nenhum comentário:

PT vai lançar Cláudia Anceles como vice na chapa de Calvet Filho durante ato neste Sábado (15) em Rosário

O Partido dos Trabalhadores, correligionários,amigos, pré candidatos a vereador e o presidente do Diretório Preto da Carne vão realizar u...