terça-feira, 9 de julho de 2019

Governo do Maranhão negocia devolução de valores do Porto do Itaqui

O ministério da Infraestrutura confirmou ao blog do Gilberto Léda,  que negocia com o Governo do Maranhão a devolução à Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap) dos R$ 140 milhões que, de acordo com a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), foram sacados irregularmente pelo Executivo maranhense dos cofres do Porto do Itaqui.
Segundo a pasta federal, além da gestão estadual, as tratativas contam com a participação da Advocacia Geral da União (AGU).
Questionado, o ministério não informou quando ocorrerão os repasses. A pasta também se posicionará, nas próximas semanas, sobre possíveis sanções jurídicas ao governo maranhense.
Com isso, cai por terra o argumento antes defendido pelo governo dinista de que não havia tido qualquer tipo de saque da Emap.
A tese começou a mostrar sinais de fragilidade durante a visita técnica realizada na quinta-feira (4), no Porto do Itaqui. Aos deputados da Comissão de Controle e Fiscalização da Câmara, o Governo finalmente admitiu a retirada dos valores, sob o argumento de que “havia respaldo legal” (relembre aqui).
Ao admitir a retirada dos valores e ao negociar com o Governo Federal, o governo local quer afastar qualquer possibilidade de responder por improbidade administrativa.
É mais um escândalo com repercussão nacional do governo Flávio Dino.

Nenhum comentário:

Suspeito de assassinar pais de Cléber Verde morre em confronto com a policia

Um dos suspeitos da morte da mãe do deputado federal Cleber Verde, Maria da Graça Cordeiro Mendes, foi morto pela polícia na madrugada de...