quarta-feira, 5 de junho de 2024

"É hora dos três poderes com apoio da população, trabalhar em harmonia contra irregularidades da Titara em Rosário" , diz Macarrão


O Agente Administrativo da Polícia Federal e pré-candidato a vereador de Rosário, Carlos Macarrão (Podemos), destacou para o blog, que é hora da harmonia e apoio entre a população, e os três poderes trabalhar em harmonia, para fortalecer as  denúncias e contra as irregularidades da empresa Titara em Rosário,  que não vem cumprido para conter os danos ambientais no Aterro Sanitário da Titara, onde vem cometendo irregularidades que vitimou 3 trabalhadores pai de famílias. 

"É hora de união entre a população, e os três poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, para trabalhar em harmonia, para fortalecer as denúncias  e cobranças, contra a  empresa Titara, para  resolver a problemática do mau cheiro, e agora é preciso intensifica as fiscalizações e denúncias,  para empresa, resolver a sua problemática de danos Ambientais, e sobre a tragédia com os três trabalhadores dentro da empresa é preciso continuar cobrando explicações do Ministério Público do Trabalho, para que a empresa seja intimada, e que Justiça, puna a empresa no trâmites legais da Lei pela morte das vítimas que  não utilizavam Equipamentos de Proteção Individual (EPI). Agora não é hora de realizar ataques contra terceiros por conta de política, é hora de união" destaca Macarrão. 

Carlos Macarrão também destacou que a empresa Titara,  não vem  respeitando as autoridades do município, que são barradas na fiscalização como a secretária de Meio Ambiente do Município, e até membros do Poder Judiciário que estabelece que a empresa Titara,  cumpra para resolver as irregularidades e depois a empresa não resolver, onde deveria ser multada e penalizada. E sem falar vários pedidos da Câmara Municipal  de Rosário,  para empresa Titara, resolver as irregularidades e não se resolve também.Até a prefeitura de Rosário, na figura do prefeito Calvet Filho, já  denunciou e entrou na Justiça contra empresa pelas suas irregularidades no Aterro. 

Nenhum comentário:

Criança de três anos que foi atingida por coice de cavalo em Santa Rita, morre a caminho de hospital em São Luís

Uma criança de três anos, identificada por Kauê Mendes dos Santos, morreu nesta quinta-feira (20), após ser atingido por coice de um cavalo,...