sexta-feira, 17 de janeiro de 2020

Prefeita de Bacabeira mente em dizer que foi a primeira bacabeirense nascer em Bacabeira.

Bom, para início de conversa e para acabar com mídia da Prefeita regente de Bacabeira em dizer que hoje ocorreu o primeiro nascimento de uma criança “bacabeirense” eu vos digo: É mentira! 

Nessas terras já nascem crianças bacabeirenses há muito tempo seja por mãos de nossas saudosas parteiras ou seja até mesmo por minhas mãos que já fiz. Sem precisar de intervenção de médicos de Santa Rita para tal procedimento e mostrar a população de nossa cidade que isso nunca ocorreu aqui.

Ademais, damos graças a Deus esta criança haver nascida cheia de saúde pois se precisasse de intervenção cirúrgica sabe Deus qual destino teria pois na casa parto normal que deram o título de “Hospital e Maternidade” não há nenhum aparato para se realizar qualquer tipo de intervenção. 

Pergunto aos senhores gestores o que foi colocado na declaração de nascido vivo (DNV) dessa criança na parte que diz: Nome do estabelecimento e número do CNES (cadastro nacional de estabelecimentos de saúde). Pois não existe qualquer registro no ministério da saúde da existência desse “hospital”.

Foram realizados os atendimentos iniciais e cuidados mediatos com esse RN ou com sua mãe?

Vitamina K, Ocitocina e Ergotrate fazem parte do perfil de medicamentos de compra da secretaria de saúde desta cidade ? 

Teste do pezinho, da orelhinha, do olhinho e do coração serão realizados nas primeiras 48 horas de vida nesse recém nascido? 

Se Deus e nossa senhora defenda houver uma intercorrência com essa paciente que necessite de uma intervenção de reposição de hemácias (sangue) a sua “maternidade” disporá ?

Cuidado com o que vocês estão submetendo a nossa gente, cuidado com a vida de quem vocês estão colocando em risco, cuidar da vida das pessoas não é brincadeira e ainda mais por questões eleitorais que é o seu principal foco neste momento.

Estaremos de olho em cada detalhe, em cada procedimento e em cada profissional que atenderá à nossa população pois nesta terra de bacabeirenses tem quem se submeta a ficar calado observando esses ultrajes mas há também quem lute para melhorar a vida de nossos filhos e filhas nativas que são de fato daqui.

Peri de Baixo, Bacabeira, Estado do Maranhão aos 16 dias do ano de glória de Nosso Senhor Jesus Cristo de 2020.


Por Por: Enfermeiro Bacabeirense Leandro Pimentel

Nenhum comentário:

Veja quanto as prefeituras de Rosário, Bacabeira, Santa Rita e São Luís vão receber para o combate da Covid-19.

O Maranhão deve receber nos próximos dias mais de R$ 672 milhões para o enfrentamento do novo coronavírus (Covid-19). O repasse foi autoriz...