quinta-feira, 18 de maio de 2023

Marcos Brandão se reuniu com a cúpula do MDB, em Brasília, para acertar a filiação

 


 A ida de Marcos Brandão, irmão do governador Carlos Brandão (PSB) para o MDB foi, sem dúvidas, o fato mais importante da política nesta semana. E foi porque não é uma simples filiação do diretor institucional da Assembleia Legislativa ao partido da deputada federal e ex-governadora Roseana Sarney. Foi porque é um movimento político significativo para os próximos passos do grupo palaciano tanto nas eleições de 2024 quanto na de 2026.

Marcos Brandão além de se tornar emedebista vai ser o presidente estadual da legenda. Com ele se filiarão também os mais diversos aliados como prefeitos, deputados, vereadores e lideranças políticas principalmente do interior.



O irmão do governador quer que o MDB volte a ser um dos maiores partidos do Maranhão deixando assim a tutela de partidos como PSB e PCdoB que há muito se tornaram os dois mais importantes do estado devido, claro, aos mandatos de governador de Flávio Dino (PSB).

Há quem aposte até mais: um espaço para o grupo governista, hoje chamado Brandão/Dino, se tornar o grupo de Carlos Brandão somente. Esta visão, claro, é dentro da expectativa de um possível rompimento, que parecia está mais distante, mas que pode se consolidar na disputa pela Prefeitura de São Luís.

Ainda não tem data definida para o ato de filiação de Marcos Brandão. Data consolidada é o fim do mandato de Roseana como presidente estadual do MDB. Dia 2 de julho e até lá um novo nome deve ser escolhido e este nome é do irmão do governador.

Data certa

Quem entra para o time do MDB no Maranhão na próxima semana é o deputado federal Cléber Verde.

Ele chega ao partido garantindo a presidência municipal da sigla em São Luís. Ele, ao lado de Marcus Brandão, terão a missão de organizar a legenda para a disputa de 2024.

Cléber chega ao MDB depois de perder o Republicanos para o deputado Aluisio Mendes.

Destaque


Sobre as eleições de São Luís, o MDB será um partido importante para abrigar aliados que precisam trocar de legenda e garantir um partido forte na disputa.

O MDB é a quinta maior bancada com 42 deputados federais eleitos em 2022. Esta posição garante fundo eleitoral importante e também tempo na propaganda eleitoral.

Um dos nomes que podem disputar as eleições de 2024 e já está de olho no MDB é o vereador e presidente da Câmara Municipal, Paulo Victor, que atualmente é do PCdoB.

Via Ipolítica

Nenhum comentário:

SESI-MA desvaloriza a Cultura de Rosário, durante inauguração de unidade no Município

  Nesta quarta-feira, dia 10 de abril, às 16 horas, durante a  inauguração do Serviço Social da Indústria ( SESI-MA ),   do Centro de Atendi...