quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Polícia Federal cumpre 64 mandados no Maranhão

Na manhã desta terça-feira, 15, a Polícia Federal, por meio da Delegacia de Combate aos Crimes contra o Patrimônio (DELEPAT) da Superintendência Regional do Maranhão, deflagrou a “Operação Intramuros” nas cidades de, São Luís, Imperatriz e Codó.

O objetivo é desarticular uma organização criminosa com atuação no estado do Maranhão no tráfico de drogas e armas, além de outros crimes.

Foram cumpridos 32 Mandados de Prisão Preventiva e 32 Mandados de Busca e Apreensão, expedidos pelo juiz Francisco Ronaldo Maciel Oliveira, titular da 1.ª Vara Criminal de São Luís. A operação contou também com o apoio de 150 policiais federais das Superintendências Regionais do Goiás, Distrito Federal, Bahia, Rio Grande Norte, Paraíba e Amapá visando colher provas da materialidade delitiva.

As investigações foram iniciadas após trabalhos de inteligências da Polícia Federal, que identificaram a atuação de facções criminosas no Estado do Maranhão. A polícia constatou que o grupo criminoso é dividido de forma estruturada e possui um setor responsável por planejar e realizar tráficos de drogas, armas e outros crimes no estado.

Os investigados serão indiciados pelos crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de armas e organização criminosa. A Operação foi denominada “Intramuros”, tendo em vista que algumas lideranças mesmo estando presídios, conseguem participar ativamente dos crimes

Nenhum comentário:

"Flávio Dino quer mais um aumento na taxa de vistoria de automóveis, antes era R$ 11,80 ele quer R$ 115 reais”, diz deputado Wellington ao cobrar informações

O deputado estadual Wellington do Curso utilizou a tribuna da Assembleia Legislativa para denunciar um novo aumento na taxa de vistoria n...